31 janeiro 2023 11:52
31 janeiro 2023 11:52

Regina Duarte diz que termo ‘todes’ usado por Lula é uma ‘bobagem’

Por meio de seu perfil no Instagram, Duarte compartilhou uma montagem para debochar do termo, usado para substituir palavras que determinam gênero

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Depois de compartilhar fake news sobre a faixa usada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ao ser empossado, a atriz Regina Duarte, de 75 anos, fez um comentário preconceituoso para repercutir o termo neutro “todes” usado pelo governo em cerimônias oficiais.

Por meio de seu perfil no Instagram, Duarte compartilhou uma montagem para debochar do termo, usado para substituir palavras que determinam gênero, utilizando o “e” no lugar de “a” e “o”.

Em outra publicação, a artista disse que a expressão é uma “bobagem”.

“Bom dia a todos e todas e todes (só porque está na moda e como ela é muito rápida, deixa eu me atualizar mais esta bobagem)”, escreveu.

O uso do termo é uma forma de promover a inclusão identitária de pessoas não-binária, ou seja, que não se identificam com o gênero masculino nem com o feminino.

A linguagem era criticada pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), de quem Regina Duarte é defensora e foi secretária de Cultura em 2021.

Fake news

Na última segunda-feira (2/1), Regina Duarte compartilhou uma informação falsa para criticar a cerimônia de posse. A ex-secretária de Cultura de Bolsonaro mentiu ao dizer que a faixa presidencial usada por Lula seria falsa.

Conforme mostrou a reportagem, existe mais de uma faixa presidencial. A usada pelo petista ao tomar posse de seu terceiro mandato como presidente foi a mesma utilizada por ele no passado e também pela ex-presidente Dilma Rousseff (PT) em 2015.

A que Jair Bolsonaro usou em 2019 foi feita a pedido de Lula quando ocupou o Planalto pela primeira vez.

Estado de Minas

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS