1 fevereiro 2023 5:53
1 fevereiro 2023 5:53

Rafinha pede paciência com reconstrução do São Paulo 

Veterano do Tricolor paulista, Rafinha pede paciência aos torcedores e elogia o trabalho do treinador na equipe

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Rafinha atualmente é um dos mais experientes do elenco são-paulino. Veterano, o jogador falou sobre a importância da torcida ‘ser paciente’ com a reconstrução do Tricolor paulista e elogiou o trabalho do treinador Rogério Ceni.

Em entrevista ao podcast ‘Santo Papo’, da SPFC Play, o lateral-direito falou sobre a última temporada e analisou o desempenho e as metas do time para este ano. Segundo suas palavras, os torcedores precisam entender que o clube não é mais o ‘São Paulo de antigamente’, e que é preciso confiar no trabalho que vem sendo feito pela equipe.

No último ano, alguns torcedores ficaram desapontados com o desempenho do Tricolor. Muito pelos resultados baseados nos ‘quases’. A equipe chegou até as finais do Campeonato Paulista e da Copa Sul-Americana, foi semifinalista da Copa do Brasil, mas não ergueu nenhuma taça.

Rafinha considerou a temporada 2022 positiva e destacou que os jogadores do plantel atual compreendem a grandeza do clube.

– Todo jogador do São Paulo entende a importância da nossa torcida. A equipe dominava bem mais no Morumbi, isso se deve ao torcedor. Lógico que ele fica chateado quando a equipe não joga bem. Claro, a gente tem que entender que não é o São Paulo de antigamente, mudaram jogadores, é outro nível. É um tom muito forte, com muitos garotos. Ano passado, ninguém contava que a gente ia chegar nas finais que chegamos. Temos que dar valor, parabenizar. Temos que valorizar o que foi feito, o trabalho – disse.

O veterano destacou que o Tricolor é uma equipe que está passando por um processo de reconstrução. Enfrentando uma dívida milionária e sem conquistas há anos – com exceção do Paulista de 2021 – o elenco passou por uma restruturação nesta temporada, com a saída de diversos jogadores e a chegada de novos reforços. Rafinha reiterou o fato de ser um elenco jovem e que demanda tempo e preparo dos torcedores para saberem lidar com as dificuldades que o clube do Morumbi enfrentou nos últimos anos.

– O torcedor é importante, mas tem que entender que é uma equipe em reconstrução. São muitos jovens, os torcedores precisam de um pouco de paciência. O torcedor é a alma do clube, ele que fica e apoia, tem que valorizar quem está aqui se empenhando. Não é fácil. Temos que valorizar isso – completou.

Rafinha se referiu ao Tricolor como uma equipe conhecida por sua grandeza. Ao traçar as metas para a temporada 2023, deixou claro que ganhar títulos passou a ser uma necessidade, justamente para manter o histórico vitorioso do São Paulo.

– O São Paulo, por sua grandeza, não pode passar tanto tempo sem ganhar títulos. Queremos ser campeões, conquistar, chegar nas finais. Nas finais, a chance aumenta muito. É objetivo desse ano. Chegar nas decisões para chegar perto do título. A gente vive de conquista, para manter a grandeza. Sabemos dessa responsabilidade. Pressão sempre vai ter, a responsabilidade é gigante – disse Rafinha.

Para o jogador, Rogério Ceni é um dos maiores responsáveis por esta reconstrução. O veterano não escondeu a admiração pelo treinador e o colocou como a pessoa ideal para comandar o elenco tricolor. Com experiências na Europa e em diversas equipes, Rafinha destacou que uma das melhores características de Ceni é a ‘abertura’ que ele tem com o elenco.

– O Rogério respira o São Paulo. Vive aqui de uma forma intensa. Ele participou de quase todas as conquistas, ele dá essa abertura para a gente conversas, é importante. O Rogério conversa, troca ideias. É muito bom. Quando tem algo que não estamos confortáveis, a gente expõe e ele dá abertura. Ele vive o São Paulo, conhece todos os buracos e todos os cantos – destacou.

A renovação de Rafinha foi anunciada em novembro do último ano. O novo vínculo do jogador termina em dezembro.

Lance!

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS