4 fevereiro 2023 3:55
4 fevereiro 2023 3:55

Polícia prende supostos envolvidos no caso de homem morto por irmão

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Equipes de policiais militares e civis conseguiram capturar nesta terça-feira (17) dois membros de uma mesma família suspeitos de envolvimento na morte do ribeirinho Denilson Silva de Costa, ocorrida no seringal Piedade, rio Purus. Um deles é irmão da vítima e o outro é sobrinho. Os dois teriam presenciado os fatos, mas não seriam os autores dos dois disparos que ceifaram a vida de Denilson.

O autor dos tiros de espingarda já foi identificado, porém, evadiu-se do local do crime antes da chegada da Polícia e ainda não foi localizado. Segundo consta, trata-se de Dângelo Costa de Sousa que, por sinal, é irmão da vítima. No presente momento, ele se encontra foragido da justiça.

Após realizar as duas prisões, a Polícia também recolheu o corpo de Denilson que foi trazido para Sena Madureira e posteriormente encaminhado para o IML de Rio Branco. “Vale ressaltar que o local do homicídio é área de jurisdição do Estado do Amazonas, todavia, em razão da gravidade dos fatos, a intervenção da Polícia Militar e Civil se fez necessária para restabelecer a ordem pública naquela comunidade”, destacou o Tenente Jairo Pontes, do 8º BPM.

A tragédia em família começou na última segunda-feira (16). Naquela data, Denilson Costa, morto nesta terça-feira, cortou de terçado seu irmão Raimundo Costa de Sousa, 38 anos. No dia seguinte, acabou sendo assassinado por outro irmão.

Os policiais conseguiram apurar que esse desentendimento familiar vinha se arrastando há cerca de dois anos, sendo motivado por questões de herança.

Com informações Contilnet.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS