3 fevereiro 2023 12:16
3 fevereiro 2023 12:16

Lula, Rosa Weber, Toffoli e Barroso vistoriam prédio do STF após vandalismo

O presidente da República estava em São Paulo após as fortes chuvas que deixaram ao menos cinco mortos, mas precisou voltar para o DF

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) chegou em Brasília (DF) na noite deste domingo (8/1) após decretar uma intervenção federal na segurança pública do Distrito Federal. Lula estava em São Paulo e voltou para o DF após atos de vândalos que atacaram prédios públicos na Esplanada dos Ministérios.

O primeiro prédio público a ser visitado pelo presidente foi o do Supremo Tribunal Federal (STF). Ao lado da presidente da Corte, Rosa Weber, e dos ministro Dias Toffoli e Luis Roberto Barroso, Lula vistoriou os estragos ocasionados pelos terroristas no local. Vidros foram quebrados, paredes pichadas, poltronas arrancadas e patrimônios históricos destruídos.

Em São Paulo, Lula já realizava ações sobre os atos. O petista realizou uma reunião de emergência com ministros em Araraquara, interior de São Paulo, para discutir a situação na capital federal.

O presidente visitava a cidade com a primeira-dama, Janja, para avaliar a situação após as fortes chuvas que deixaram ao menos cinco mortos e três desaparecidos no município, mas precisou voltar para Brasília.

Os vândalos também atacaram o Palácio do Planalto e o Congresso Nacional, que também devem ser vistoriados pela comitiva de Lula.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS