31 janeiro 2023 11:31
31 janeiro 2023 11:31

Jovem encontra caracol em lanche do McDonald’s: ‘esperava que fosse frango’

Shelby Paige Forrester, de Hodnet, Shropshire, na Inglaterra, publicou o fato inusitado nas redes sociais e prometeu: "Não vou comer no McDonald's nunca mais".

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Uma mulher inglesa se revelou horrorizada após morder algo crocante em um wrap comprado no McDonald’s e descobrir, oculto no recheio, um caracol de tamanho médio. Shelby Paige Forrester, de Hodnet, Shropshire, na Inglaterra, publicou o fato inusitado nas redes sociais e prometeu: “Não vou comer no McDonald’s nunca mais”.

Em uma postagem com várias imagens que mostram o animal, com a concha quebrada em vários pedaços, ela conta o susto que levou quando mordeu o wrap e sentiu algo que estava “crocante demais” para ser um ingrediente do recheio.

“Dei literalmente duas ou três mordidas e senti algo sendo triturado na boca. Esperava que fosse um pedaço de frango”, conta. “Eu cuspi e fiquei em silêncio por cerca de dez minutos. Meu marido perguntou o que havia de errado comigo, então pedi a ele para dar uma olhada no embrulho e esclarecer o que era, porque eu estava absolutamente mortificada”. O marido examinou o conteúdo do recheio e disse que ela havia mastigado um caracol.

A partir daí, ela conta que não sabia mais o que fazer, se corria para a pia e vomitava ou se extravasava a raiva que sentiu. “Fiquei paranoica que ele tivesse me passado algum tipo de doença, porque os caracóis carregam todos os tipos de doenças”, afirmou a mulher ao jornal britânico The Sun.

O casal então jogou fora o resto da comida e ligou para a rede para reclamar. Eles foram convidados a retornar ao local e receberam outra refeição grátis – que foi recusada. “Eu disse que queria meu dinheiro de volta e que a reclamação fosse levada adiante. Gostaria de algum tipo de compensação por ter um caracol na boca”, afirmou Shelby.

Teste em laboratório No dia seguinte, ela recebeu uma ligação de uma funcionária do McDonald’s se desculpando pelo ocorrido e informando que o molusco seria testado em um laboratório. Shelby costumava visitar, com o marido e os dois filhos pequenos, o McDonald’s duas vezes por mês, mas jurou nunca mais comer lá. Em nota encaminhada ao The Sun, a empresa afirmou que a qualidade dos alimentos é de extrema importância para a rede, que coloca grande ênfase no controle de qualidade, seguindo padrões rigorosos para evitar quaisquer imperfeições”.

“Quando a cliente trouxe o assunto à atenção da equipe do restaurante, imediatamente pedimos desculpas e oferecemos um reembolso total. Nossa equipe de atendimento ao cliente também entrou em contato com a cliente para pedir desculpas e ajudar a encontrar uma solução”.

Com informações UOL

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS