31 janeiro 2023 11:43
31 janeiro 2023 11:43

Idosa bolsonarista que ‘quebrou tudo’ em Brasília tem antecedentes por tráfico, falsificação e estelionato

Em vídeos de bolsonaristas, a idosa é saudada por estar “aqui quebrando tudo”, e ter defecado no ambiente vandalizado, além de atacar o ministro Alexandre de Moraes

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Maria de Fátima Mendonça Jacinto Souza, a senhora de 67 anos que quebrou tudo em Brasília, tem antecedentes criminais. Segundo bolsonaristas, ela seria mais uma idosa que poderia ter sido presa de forma arbitrária por estar presente em Brasília durante o caos promovido pelos bolsonaristas no último domingo, 8.

No entanto, ela não figura na lista divulgada das detidas que seguiram para a penitenciária. Maria de Fátima registra condenação por tráfico de drogas com envolvimento de menor de idade na porta da sua residência no município de Tubarão (SC) e denúncias por falsificação de documentos e estelionato, segundo o portal Extra Classe.

Em Brasília, ela aparece entre os bolsonaristas em vídeos da invasão. A idosa é saudada por estar “aqui quebrando tudo”, e ter defecado no ambiente vandalizado. “É guerra! Vamos pegar o Xandão agora”, afirmou ao se referir ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Segundo o Extra Classe, a idosa foi detida na madrugada do dia 14 de janeiro de 2014 por Policiais Militares que realizavam rondas no em seu bairro, em uma região de “intenso comércio de drogas”, em sua cidade.

Ela chegou a colocar a culpa em um adolescente, que no auto de prisão e na posterior condenação, foi confirmado como seu parceiro de crime. Na ocasião foram apreendidas vinte e sete pedras de crack. Ela ficou presa na penitenciária feminina de Tubarão no decorrer do processo.

Ainda, no ano de 2014, em 6 de novembro, o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) ingressou com uma denúncia criminal contra ela por falsificação de documento público, crimes contra a Fé Pública e por estelionato e crimes contra o patrimônio.

Por Brasil247

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS