1 fevereiro 2023 6:54
1 fevereiro 2023 6:54

Bebê nasce com quase 6 quilos em maternidade de Cruzeiro do Sul é levado para a UTI: ‘atípico’, diz médico

O ‘pequeno’ Gilbert Hiran veio ao mundo na segunda-feira (23) com 5,690kg e 54 centímetros. Bebê está na UTI da Maternidade de Cruzeiro do Sul.

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

A cidade de Cruzeiro do Sul, no interior do Acre, ganhou um novo morador que nem bem nasceu e já virou celebridade local. O “pequeno” Gilbert Hiran Gabriel Bandeira nasceu na segunda-feira (23) com 5,690kg e medindo 54 centímetros de parto normal. Ele precisou ser internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da maternidade.

A mãe do bebezão, Maria José Gabriel, de 43 anos, contou que esse é o quarto filho e que foi uma gravidez de risco porque ela tem diabetes. Segundo ela, na gestação, a médica que a acompanhava já havia alertado que seria uma criança grande, mas que não imaginou que seria tanto.

‘Pequeno’ Gilbert Iran veio ao mundo na segunda-feira (23) com 5,690kg — Foto: Arquivo pessoal

O bebezão foi diagnosticado com síndrome do desconforto respiratório e hipoglicemia e, por isso, precisou ficar internado na UTI e, segundo a mãe, não há previsão de alta. O g1 tentou contato com o médico que fez o parto da criança, mas não obteve resposta até última atualização desta reportagem.

“Aqui no hospital está todo mundo admirado com o tamanho da criança. Tive bastante dificuldade para tê-lo, ficou empacado no meu quadril, uma enfermeira disse até que nunca tinha visto algo como aquilo. Foi muita luta. Eu não esperava que seria desse tamanho, mas a médica já tinha alertado por conta da diabetes. Foi uma gravidez de alto risco, minha barriga ficou muito grande e eu cheguei a ficar internada por três vezes para poder controlar a glicose”, contou a mãe.

Bebê nasceu com quase 6 quilos nessa segunda-feira (23) em maternidade de Cruzeiro do Sul — Foto: Arquivo pessoal

O tamanho da criança chama atenção da população e, segundo a mãe, ele já tá sendo chamado de bebê gigante. “Fica todo mundo curioso para ver, porque é diferente. Falam que o bebê está famoso. Onde eu passo aqui nos corredores da maternidade o pessoal já fala ‘é a mãe do bebê gigante’”, disse.

Como o enxoval comprado não serviu na criança, a mãe busca ajuda para conseguir roupas maiores e fraldas tamanho G. “Tinha feito um baby chá e ganhei só fraldas, mas todas pequenas, fiz doação para outras mães aqui do hospital e doei também as roupinhas que não deram nele. Ele ficou só com quatro roupas.”

‘Atípico’

O pediatra Rondney Brito acompanhou o parto e disse que esse peso de mais de 5,6 quilos é algo “atípico”. Segundo o doutor, o estado de saúde da criança é estável e foi iniciado processo para alta.

“No geral, quando são recém nascidos de mães diabéticas já é esperado, em uma grande porcentagem dos casos, que o bebê seja macrossômico, ou seja, grande para idade gestacional. Porém, um peso de 5.690 é algo totalmente atípico. Ele nasceu com 54 centímetros. Hoje [quarta, 25] ele está estável, em berço aquecido, pois a incubadora ficou pequena para o tamanho dele. Já iniciamos a programação de alta para os próximos dias”, afirmou o médico.

Fonte: G1AC

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS