31 janeiro 2023 11:41
31 janeiro 2023 11:41

Ano 2023 já começa com falta de serviços de telefonia e internet em Cruzeiro do Sul

Já são mais de 14h sem conexão com internet e telefonia na cidade.

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Cruzeiro do Sul, interior do Acre, já registra mais de 14h sem sinal de telefonia, Internet móvel e fixa. Um problema corriqueiro na região do Juruá, que afeta diretamente na economia e na logística de moradores das comunidades isoladas.

Em 2022, o sinal chegou a cair três vezes durante apenas uma semana.

Segundo informações, o motivo da falta de serviços na noite da última quinta-feira (12), ocorreu devido a um rompimento de fibra da operadora “Oi” no município de Bujari por volta das 23h45.

Seu Manoel é vendedor ambulante no centro da cidade, ele diz que a maioria das vendas é via pix o que trás prejuízos quando fica sem sinal de telefonia móvel.

Para quem tem opção de usar internet em residências e empresas o prejuízo se torna menor.

Os bancos amanheceram vazios, muitas pessoas nem saíram de casa em busca de atendimento, prevendo que estaria comprometido com a falta de sinal na cidade.

Uma moradora do município do município de Ipixuna, relatou a dificuldade na busca de atendimento que não será realizado por falta de sistema. “Vim na esperança de tentar resolver logo, mas chego aqui e o sistema está desse jeito. O jeito que tem é esperar para saber o que podem fazer ou voltar em outra data, pois deixei meu filho deficiente em casa”, relata Maria da Conceição.

A queda de sinal é constante em cruzeiro dos Sul e a única certeza é que não é visto e nem ouvido pelos parlamentares que são eleitos para reivindicar e trazer melhorias para a população. Não fazem nada com relação a queda constante de sinal no Juruá.

Quem mais sofre continua sendo quem mais precisa, como é o caso de dona Maria, que veio da comunidade Foz do Caipora, que fica após o município de Marechal Thaumaturgo. Ela e o esposo vieram para cruzeiro do Sul em busca de atendimento médico particular, sendo que não vão conseguir sacar o dinheiro para a consulta, além de estarem sem comida e sem ter como voltar para casa.

Redação Juruá Online

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS