3 fevereiro 2023 11:41
3 fevereiro 2023 11:41

Policial militar do Acre participa de pesquisa nacional sobre valorização do profissional de segurança pública

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) lançou na última quarta-feira, 28, o maior estudo do país para avaliar a qualidade de vida dos profissionais de segurança pública. O sargento Sidiclei Silva, da Polícia Militar do Acre (PMAC), foi um dos organizadores da pesquisa, que será usada para subsidiar o planejamento de políticas públicas para a área em todos os estados da federação.

Realizada pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), em parceria com a Universidade de Brasília (UnB), a pesquisa envolveu mais de 145 mil profissionais da segurança pública dos 26 estados e do Distrito Federal. Foram levantadas questões sobre saúde, segurança, valorização e qualidade de vida dos profissionais.

Segundo o sargento Sidiclei, o estudo, que já subsidiou a criação de dois livros sobre a temática, não se baseia apenas no processo de diagnóstico, mas na proposição de intervenções que possibilitem a construção de indicadores que serão utilizados como norteadores da elaboração de políticas públicas. “É um robusto diagnóstico que certamente vai proporcionar subsídios às instituições de segurança pública nos estados em suas tomadas de decisões”, concluiu.

O estudo foi efetivado no âmbito do Programa Nacional de Qualidade de Vida para os Profissionais de Segurança Pública, o Pró-Vida. Desde 2019 já foram injetados mais de R$ 450 milhões pelo programa nas instituições de segurança pública em todos os estados, dinheiro usado nas áreas de saúde biopsicossocial, saúde e segurança no trabalho, valorização profissional e mecanismos de proteção para os profissionais da área.

A pesquisa pode ser encontrada no endereço eletrônico do MJSP, https://www.gov.br/mj.

Fonte: Agência do Acre

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS