28 novembro 2022 7:55
28 novembro 2022 7:55

Trânsito é liberado em todas os rodovias federais em Rondônia, confirma PRF

Bloqueio no estado vizinho provocou prejuízos ao Acre, que deixou de receber cargas de combustível, alimentos, entre outros produtos.

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Rondônia confirmou, na tarde desta terça-feira, 22, a liberação de todos os pontos de bloqueios, que fechavam a BR-364, impedindo o acesso ao estado acreano.

A atualização da PRF foi feita às 17h1 (horário de RO), e às 16h (horário do Acre). “Trânsito livre em todas as rodovias federais no estado de Rondônia”, diz o anúncio.

Nesta terça-feira, 22, os manifestantes, que contestam o resultado das urnas e não aceitam a derrota do presidente Jair Bolsonaro, mantinham a BR 364 fechada, em três pontos, no estado vizinho, conforme atualização da Polícia Rodoviária Federal (PRF), de 10h30 (horário de Rondônia), e mais um na BR-425.

Depois, no período da tarde, os bloqueios começaram a ser desfeitos, mas ainda restava um no Distrito de Vista Alegre do Abunã, e foi desfeito, no final da tarde.

Acre enfrentou longas filas nesta terça em postos de combustíveis (Foto: Juan Diaz/Arquivo pessoal)

Os bloqueios causaram transtornos no Acre. Na manhã desta terça, foram registradas filas em postos de combustíveis, falta do produto em alguns postos, escassez de alimentos perecíveis, redução da frota de ônibus, em Rio Branco. Os usuários do transporte coletivo tiveram que esperar até duas horas nos pontos de ônibus por conta de redução de 30% dos carros, para racionar diesel.

Estes foram alguns problemas causados pela interdição da BR-364, pouco de mais de 20 dias após o resultado das eleições 2022, o estado acreano sofre prejuízos financeiros e está sob risco de colapso no comércio.

A liberação ocorre logo depois de ser anunciado que o presidente Jair Bolsonaro (PL) e o presidente do PL, Valdemar Costa Neto, entraram com uma representação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para pedir a anulação de votos feitos em modelos de urnas UE2009, UE2010, UE2011, UE2013 e UE2015 no segundo turno das eleições de 2022.

A Gazeta do Acre

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS