23 novembro 2022 9:40
23 novembro 2022 9:40

Saiba quais são as seleções favoritas para vencer a Copa do Mundo

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

A um dia do início da Copa do Mundo 2022, que será realizada no Catar, torcedores de todos os continentes já fazem as apostas de quem levará o título para casa. O Brasil entra em campo em busca da sexta conquista, mas outras seleções também são candidatas à se consagrarem campeã mundial de futebol.

Já foram realizadas 21 edições da Copa do Mundo, disputada a cada quatro anos, com exceção de 1942 e 1946, em razão de conflitos da Segunda Guerra Mundial, mas apenas oito seleções levaram o título para casa: Brasil, Alemanha, Itália, Argentina, Uruguai, França, Espanha e Inglaterra.

Essas equipes são sempre favoritas ao título, mas este ano, outros países também entram como opções nas apostas para a conquista da taça.

Um dos indicadores para pensar o favoritismo na competição deste ano é o ranking da Fifa, atualizado de acordo com o desempenho de todos as equipes, como o resultado das eliminatórias, dos amistosos e torneios em andamento.

De acordo com o último ranking mundial divulgado pela Federação Internacional de Futebol, em 6 de outubro, os representantes da América do Sul, Brasil e Argentina, se configuram entre os favoritos. Já na Europa, Bélgica e França aparecem como candidatos ao título.

Confira quais são as seleções favoritas para vencer a Copa do Mundo, com base na performance recente dos times no ranking mundial:

Brasil
O Brasil é o favorito absoluto a levar o título. Pelo menos no papel. Além de ser a número um no ranking da Fifa, a Seleção foi a primeira nas eliminatórias da Comenbol de forma invicta, com 14 vitórias e três empates, além de um elenco com nomes de peso como Casemiro, Vinícius Júnior, Gabriel Jesus, Fabinho, Éder Militão e Alisson Becker.

A experiência e o histórico com a Seleção Brasileira de Tite também é uma vantagem sobre as outras equipes. Já os primeiros adversários do Brasil no Grupo G, Sérvia, Suíça e Camarões, deixam a primeira fase teoricamente acessível para uma equipe considerada forte.

Bélgica
A equipe da Bélgica ficou em primeiro no grupo E na eliminatória europeia, invicta com seis vitórias e dois empates, e é a segunda do ranking da Fifa. Tem um elenco forte com Thibaut Courtois no gol, Kevin de Bruyne no meio-campo e Romelo Lukaku como atacante.

Na fase de grupos enfrentará Canadá, Marrocos e a vice-campeã de 2018, Croácia, da qual é esperado uma disputa pelo primeiro lugar.

Argentina
Os hermanos chegam à Copa do Mundo com uma invencibilidade de 35 jogos, é o terceiro no ranking da Fifa e também se classificou para o mundial invicto, com 11 vitórias e seis empates.

Grandes nomes como Lionel Messi, Ángel Di María, Rodrigo de Paul e Lautaro Martínez integram a equipe, que venceu a Copa América 2021 em final contra o Brasil, e a Finalíssima contra a Itália. Na fase de grupos do mundial enfrentará Arábia Saudita, México e Polônia, mas apesar desses dois últimos serem adversários complicados, a Argentina deverá passar pela primeira fase sem grandes dificuldades.

França
Atual detentora da taça, a França entrará em campo com grande parte do elenco do título de 2018 e acréscimos de peso como Karim Benzema e Kylian Mbappé, e o técnico Didier Deschamps ainda no comando do time. A equipe também é a atual campeã da Liga das Nações, tendo vencido a Espanha na final de 2021.

A França é a cabeça de chave do grupo D composto ainda por Austrália, Dinamarca e Tunísia. Teoricamente um dos grupos mais fáceis para um favorito.

Último ranking da Fifa antes da Copa do Mundo:
Brasil: 1841,3 pontos
Bélgica: 1816,71 pontos
Argentina: 1773,88 pontos
França: 1759,78 pontos
Inglaterra: 1728,47 pontos
Itália: 1726,14 pontos
Espanha: 1715,22 pontos
Holanda: 1694,51 pontos
Portugal: 1676,56 pontos
Dinamarca: 1666,57 pontos

Correio Braziliense

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS