29 novembro 2022 11:32
29 novembro 2022 11:32

Marcos, morto por Elize Matsunaga, surge em carta psicografada e revela segredo cruel e sombrio

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Em 2012, o empresário Marcos Matsunaga, herdeiro da Yoki, foi cruelmente assassinado e esquartejado pela esposa, Elize Matsunaga. Mas segundo o divulgado em uma carta psicografada, ele teve um passado tenebroso e obscuro.

Isso porque, segundo o site Mais RO, de Rondônia, Marcos foi um frio assassino no século XIX, em uma vida passada, antes de reencaarnar como o empresário brasileiro.

“Vamos por partes… Nasci em Londres em meados do século XIX e desencarnei no ano de 1912 da Era Cristã. Em Whitechapel, matei e mutilei cinco mulheres que ganhavam a vida como prostitutas”, dizia a carta, no início, que prosseguiu:

“Esses crimes envolveram atos extremamente pavorosos, narrados em detalhes minuciosos pela mídia da época e o fato de nunca ter sido descoberto me tornou um mito, tão misterioso como o próprio fog londrino”.

De acordo com Marcos, ele faleceu de causas naturais e ficou por muito tempo em um local sombrio, cheio de gritos e desespero, mas  foi salvo pelos servos de Maria:

“Sendo levado a outro plano, fui aos poucos tendo o meu periespírito reajustado, minha mente normalizada e meus pensamentos corrigidos. E compreendi os horrores que cometi. Que tristeza, Deus!”, lamentou Marcos Matsunaga.

Reencarnação

Desse modo, o homem foi preparado para a reencarnação e, em 1970, um casal reencarnado de duas de suas vítimas o aceitou e ele nasceu como Marcos Matsunaga.

“Agora em comoção generalizada, como o irmão Marcos, desencarnei e agradeço ao Pai ter me atendido dando destino, nem igual ao que dei as minhas vítimas. Estou em paz, estou na luz. Resgatei um pouco do meu passado, outros momentos virão. Confio em Deus. Hosana nas alturas!”, finalizou a carta.

TV Foco

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS