25 novembro 2022 7:59
25 novembro 2022 7:59

“Lula não é presidente de esquerda ou de direita, mas, sim, do povo brasileiro”, afirma Gladson na COP 27 no Egito

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Em Sharm El-Sheikh – no Egito, o governador Gladson Cameli e demais Governadores da Amazônia que declararam apoio à reeleição de Jair Bolsonaro (PL) indicaram estar dispostos a trabalhar junto ao novo governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para reduzir o desmatamento ilegal na região.

Em entrevista ao Metrópoles, Gladson ponderou, contudo, que políticas do agronegócio não podem ser deixadas de lado.

Cameli afirmou que Lula não é presidente de esquerda ou de direita, mas, sim, do povo brasileiro. “A eleição acabou. Desci do palanque e estou pronto para ajudar no que for necessário. Temos as políticas ambientais e as políticas do agronegócio”, afirmou Cameli, nesta segunda-feira, 14.

As declarações foram dadas durante a 27º edição da Conferência das Partes das Nações Unidas (COP27), realizada em Sharm el-Sheikh, no Egito.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS