8 dezembro 2022 5:08
8 dezembro 2022 5:08

Encontro de pacientes ostomizados é realizado na Fundhacre

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

A Fundação Hospital Estadual do Acre (Fundhacre) promoveu, na terça-feira, 22, na gerência de ensino da unidade, um encontro com pacientes ostomizados que são cadastrados no Núcleo de Ostomia, para promover a saúde e o bem-estar dos pacientes, por meio de uma roda de conversa.

Paciente ostomizado é aquele que precisou passar por uma intervenção cirúrgica para fazer no corpo uma abertura ou caminho alternativo de comunicação com o meio exterior, para a saída de fezes ou urina. Essa abertura chama-se estoma.

Encontro de pacientes ostomizados é realizado na Fundhacre. Foto: Gleison Luz

“Uma vez ao mês, esses pacientes comparecem ao núcleo para serem acompanhados em uma consulta com a equipe de enfermagem e receber as bolsas coletoras. Hoje reforçamos a importância do autocuidado e da qualidade de vida”, destacou a enfermeira responsável pelo núcleo, Juliana Quinteiro.

Enfermeira Juliana Quinteiro: “Regularidade na entrega das bolsas”. Foto: Gleison Luz

Atualmente, a Fundhacre conta com 186 pacientes ativos no Programa de Ostomias. De janeiro de 2022 até o momento foram disponibilizadas, para os portadores de colostomia e urostomia, 11.380 bolsas coletoras.

De janeiro de 2022 até o momento foram disponibilizados para os portadores de colostomia e urostomia 11.380 bolsas coletoras. Foto: Gleison Luz

“O serviço proporciona todo um suporte ao paciente, após a alta hospitalar, no sentido do autocuidado e adaptação a esse novo formato”, enfatiza o chefe da enfermagem da Unidade Durival Brito.

“O serviço proporciona todo um suporte ao paciente após a alta hospitalar, no sentido do auto-cuidado e adaptação a esse novo formato”, enfatiza o chefe da enfermagem da Unidade Durival Brito. Foto: Gleison Luz

“Me sinto bem cuidada e acolhida. Todo mês a gente pega as bolsas. Qualquer novidade os responsáveis ligam e nos informam. Já comprei muitas bolsas, hoje não compro mais”, disse Antônia Silveira Lopes, paciente com colostomia definitiva.

Paciente com colostomia definitiva, Antônia Silveira Lopes, se encontra cadastrada no Núcleo de Ostomia desde agosto de 2016. Foto: Gleison Luz

João Marques dos Santos está cadastrado no programa há cinco meses. “Aqui aprendemos muito, tiramos dúvidas, principalmente no meu caso, onde a cirurgia é reversível. Hoje estou em processo de preparação para a minha cirurgia”, afirma o paciente.

João Marques dos Santos, cadastrado no programa há cinco meses. Foto: Gleison Luz

Na oportunidade, foi realizada a entrega de kits de autocuidado. Toda a atividade contou com a parceria da empresa Medplus.

Durante a palestra, foi reforçada a importância do auto-cuidado e da qualidade de vida. Foto: Gleison Luz

“Nosso intuito é que cada paciente tenha o mínimo de desconforto ou algum tipo de transtorno no uso do dispositivo”, destacou a enfermeira da Medplus, Patrícia Mandroti.

Fonte: Agência do Acre

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS