23 novembro 2022 5:09
23 novembro 2022 5:09

‘Direitos Humanos são inegociáveis’: Alemanha protesta contra proibição da Fifa à faixa ‘OneLove’

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Em partidas de Copa do Mundo, é comum que as equipes titulares de cada país posem para fotos antes do início de cada jogo. A seleção alemã, no entanto, aproveitou o momento em sua estreia contra o Japão para protestar contra a decisão da Fifa de proibir o uso da braçadeira de capitão “One Love” em partidas do Mundial.

Na foto oficial, todos os jogadores alemães levaram uma das mãos à boca, um gesto que busca simbolizar a censura que eles entendem ter sido imposta pela Fifa. A faixa, que prega por diversidade e defende a comunidade LGBT+, vem sendo motivo de disputa entre a entidade máxima do futebol. Enquanto a Fifa busca coibir protestos, algumas seleções desejam se manifestar em favor da diversidade.

Em seu perfil oficial no Twitter, a equipe alemã afirmou que a utilização da faixa de capitão buscava reproduzir os valores que a seleção prega: diversidade e respeito mútuo.

Estadão

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS