8 dezembro 2022 4:52
8 dezembro 2022 4:52

Deputado defende prisão de Birico por declarações ameaçando “furar o bucho de comunistas”

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O deputado estadual Daniel Zen (PT) disse, nesta segunda-feira (21), que Ruy Birico, militante político de direta, deveria estar preso, “como meliante”. A reação do parlamentar e professor de Direito da Universidade Federal do Acre (Ufac) se deu em razão de declarações do político em áudios publicados, ameaçando “furar o bucho” de comunistas com um tipo de faca especial, “feita de molas de fusca”, que seriam mais resistentes.

“Vocês estão sendo vigiados, comunistas que esmagaram o povo do Acre, que saquearam tudo! Não tem como fugir mais não, canalhas! Meus irmãos patriotas, a hora é essa: ou viver na Pátria amada ou morrer pelo Brasil! Vamos pra cima! Vamos começar a fazer punhal de mola de fusca, que não quebra e nem entorta, porque os comunistas tem o couro duro! Abrir o bucho dos comunistas porque eles são comunistas, tem o couro duro! Só punhal de mola de fusca, meus irmãos! Não vamos deixar nenhum fugir, dessa vez”, disse Birico.

Ouvido pela reportagem do Portal, o militante disse que suas declarações se relacionam à “liberdade de expressão”. “Eu me expressei como cidadão brasileiro e como defensor da liberdade de expressão em todos os níveis”, afirmou.

Birico, de 62 anos de idade, disse ainda que está à disposição da Polícia e da própria Justiça em caso de prisão. “Mas eu penso que tem que estar preso é quem rouba e mata”, como os comunistas. “Eu não defendo matar comunista, só furar o bucho”, disse.

De acordo com o deputado Daniel Zen, as declarações são de alta gravidade. “O teor das declarações desse senhor constitui crime de ameaça tipificado no Código Penal. Esse meliante deveria estar detrás das grades e não nomeado no governo, recebendo gordo salário. Acabei de avisar no grupo de deputados da Aleac que, de minha parte, a menos que o governador tome alguma providência, o pau vai cantar na tribuna da Casa”, afirmou. A Assembleia Legislativa se reúne nesta terça-feira (22).

O deputado ameaça boicotar projetos de interesse do governo na Assembleia por causa das declarações. “De minha, a oposição não se faria presente a nenhuma votação, incluindo nas Comissões, enquanto providências firmes não forem tomadas. É como penso”, disse Zen.

Birico exerce cargo de natureza política, uma CEC-5 (cargo em comissão) no governo do Estado e é um dos ativistas presentes no movimento pró-intervenção militar que está acampado há 20 dias em frente ao 4º BIS em Rio Branco.

Nos áudios ele também afirma vir treinando para ir “à caça” de comunistas e revela que durante 25 anos atuou com uma espécie de espião em seu táxi registrando os passos de seus adversários. “Esse povo tem que ser destruído e tirado do mapa. Minha vitória foi ver os comunistas do Acre não fazendo um deputado federal, um senador. Se acabaram. A casa caiu, comunistas manés. Podem fugir. A ”petezada” não fez um deputado estadual. Só tem um comunista lá. Tá chegando a hora”, disse.

Contilnet

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS