1 fevereiro 2023 1:51
1 fevereiro 2023 1:51

Criança que sobreviveu a ataque em MG pede para conhecer PM que a salvou

Menina foi vítima do próprio pai que ateou fogo nela e na mãe dela; suspeito foi preso, mas a mulher não resistiu aos ferimentos

Por O Tempo

- Publicidade -

Uma menina de 5 anos, que sobreviveu ao ataque realizado pelo próprio pai, pediu para conhecer o policial militar que a salvou após sair do hospital. O encontro fez florescer uma amizade que promete durar para toda a vida.

Em outubro deste ano, militares da cidade de Carneirinho, a 700 km de Belo Horizonte, receberam a informação de que um homem teria ateado fogo na esposa e na filha. No local, os policiais prestaram auxílio às vítimas. O suspeito foi preso durante buscas.

Mãe e filha foram encaminhadas ao hospital da cidade. No entanto, a mulher não resistiu às queimaduras e morreu no centro de saúde. Ao sair do hospital a criança pediu para conhecer o policial que havia cuidado dela e da mãe.

Momento ‘gratificante

No dia do encontro, o militar que atendeu a mulher e a menina, o tenente Rafael Alencar, da 3ª Companhia Independente da PM, levou para a garotinha um ursinho cor de rosa para ajudá-la na recuperação.

A partir daí, a menininha, que é criada pela tia e o irmão mais velho, fizeram uma amizade que promete durar a vida inteira.

“Foi extremamente gratificante poder auxiliar essa menina que passou por um momento tão aterrorizante. Depois que nos conhecemos ela me liga e faz chamadas de vídeo sempre. Ela me deixa a par de tudo que acontece com ela. É bom saber que me transformei em uma espécie de referência para essa criança. Ela é uma garotinha muito inteligente, iluminada e merece tudo de melhor sempre”, disse o militar.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS