6 dezembro 2022 9:24
6 dezembro 2022 9:24

Centro de Controle Oncológico busca mais de 1,5 mil pacientes que não retiraram resultados de exames

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O governo do Estado, por meio do Centro de Controle Oncológico do Acre (Cecon), vem enfrentando um grande desafio. Desde 2019, a unidade acumula mais de 1,5 mil exames de mamografia que aguardam retirada por parte dos pacientes.

A direção do órgão adotou uma campanha educativa, frisando a importância da volta dos pacientes na unidade para retirar o exame. De 2019 até agora foram realizados mais de 12,7 mil exames de mamografias. Desse número, 1.587 estão esperando a retirada, sendo: 780 exames de 2019; 314 de 2020; 209 de 2021 e 284 de 2022.

Exame de Mamografia. Foto: Elenilson Oliveira/Secom

“Nossa maior demanda pendente para retirada, ou seja, o comparecimento dessas pacientes, está no ano de 2019. Estamos orientando as pacientes, já no ato do exame, a buscarem seus resultados e, de certa forma, tem dado certo”, explicou a responsável pelo setor de mamografia do Cecon, Lucilene Oliveira.

O Cecon orienta as pacientes que aguardam receber resultados de exames a se dirigirem ao centro para atualizar o cadastro. Para isso, basta que compareçam ao local com o protocolo de atendimento. Caso tenha sido extraviado, devem levar um documento de identificação, de segunda a sexta-feira, das 8hàs 14h.

No Cecon são disponibilizados 40 exames diariamente, agendados por meio das unidades básicas de saúde, com solicitação do profissional de saúde, para todas as mulheres a partir dos 40 anos.

A mamografia é recomendada pelo Ministério da Saúde como exame para o rastreamento de lesões pré-cancerígenas, as precursoras do câncer de mama, que, segundo a gerente, é o câncer que mais acomete mulheres no Brasil e, se identificado precocemente, apresenta alta taxa de cura.

Fonte: Agência do Acre

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS