8 dezembro 2022 3:56
8 dezembro 2022 3:56

Bilhete aéreo em agosto no Acre foi vendido pelo preço médio de R$ 687,82; o terceiro maior do país

Os preços maiores são registrados em estados do Norte. o Acre fica atrás apenas de Roraima e Rondônia.

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

No Acre, o bilhete aéreo em agosto foi comercializado pelo preço médio de R$ 894,58, sendo o terceiro maior do país, segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) em boletim divulgado na sexta-feira (4).

O painel que mostra os valores médios em todos os estados do país, mostra que os maiores preços são praticados no estados do Norte. O Acre fica atrás apenas de Roraima (R$ 1.252,24) e Rondônia (R$ 992,72).

O preço do querosene de aviação (QAV), entre julho/2019 e julho/2022, aumentou cerca de 169%, embora desde o final de agosto este item venha apresentando queda nos preços divulgados pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Esse é uma das justificativas para o preço da passagem aérea em todo país ter registrado aumento, segundo a agência.

Os cinco principais destinos domésticos em agosto (SP, RJ, MG, PR e DF) representaram cerca de 53% do total comercializado, sendo que apenas São Paulo representou 24,8% desse total (tarifa média de R$ 645,62), configurando-se o destino doméstico mais procurado em agosto, seguido do Rio de Janeiro, com 9,5% (tarifa média de R$ 681,92), e Minas Gerais, com 6,7% (tarifa média de R$ 596,30).

O valor médio pago pelo passageiro por quilômetro voado, também conhecido como yield, foi um dos menores no estado acreano, de R$ 0,3481, abaixo até do que a média do país, que foi de R$ 0,5483.

G1 Acre
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS