24 novembro 2022 9:39
24 novembro 2022 9:39

Atleta do Bujari representa o Acre no atletismo adaptado dos Jogos Escolares Brasileiros

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Dos ramais do Projeto de Assentamento Walter Acer, no Bujari, para as pistas oficiais do campus da Universidade da Aeronáutica (Unifa), no bairro Campos dos Afonsos, no Rio de Janeiro (RJ). Essa é a trajetória do atleta Rodrigo Nascimento, que representa o Acre no atletismo adaptado dos Jogos Escolares Brasileiros.

Com deficiência intelectual, ele é estudante da Escola Pedro Gomes e faz parte da equipe de atletas que estão sendo treinados e acompanhados pelos professores Wedson Coelho e Leandro Coelho, que possuem um projeto de formação de atletas no município.

Nos Jogos Escolares, Rodrigo Nascimento compete nas modalidades de 80 metros rasos, sua especialidade, no salto em distância e também no arremesso de peso. E já no primeiro dia de provas, nos 80 metros, conseguiu ficar em segundo lugar em sua bateria.

Rodrigo ficou em segundo lugar na fase classificatória em sua bateria. Foto: Stalin Melo

Por ser um atleta que está sendo trabalhado pelos técnicos, Rodrigo participa de um clube, a Associação Desportiva Filhos do Rei (Asdefir) e, com isso, já pode competir dentro do calendário esportivo do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB). Dependendo dos resultados que alcançar nos Jogos Escolares, poderá representar o Acre em campeonatos sul-americanos.

O técnico da equipe de atletismo, Leandro Coelho, avalia como muito positiva a participação de Rodrigo Nascimento na competição, até por se tratar da primeira vez que o atleta participa de um evento em nível nacional dessa configuração dos Jogos Escolares.

“Vejo a participação dele como muito boa. Estamos aguardando os resultados para saber em qual série nos 80 metros rasos ele vai se qualificar, mas ter ficado em segundo lugar na sua bateria já é um resultado muito expressivo, pois ele fez 11s47 na sua prova”, explicou o técnico.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS