2 dezembro 2022 7:25
2 dezembro 2022 7:25

Após ser sequestrada pelo ex, mulher pede ajuda por bilhete em garrafa pet

Vítima ainda foi estuprada após ter os braços e pernas amarrados; ocorrência mobilizou os policiais de Uberaba

Por O Tempo

- Publicidade -

Um bilhete dentro de uma garrafa pet. Foi assim que uma mulher de 32 anos conseguiu pedir ajuda da vizinha para ser liberta do cárcere privado e do estupro praticado pelo ex-companheiro, de 41, em Uberaba, no Triângulo Mineiro, nessa segunda-feira (21). O suspeito acabou sendo preso enquanto trabalhava.

De acordo com a Polícia Militar (PM), uma vizinha da vítima acionou a corporação após ter encontrado uma garrafa pet com um bilhete no quintal de casa. Ao ler o conteúdo, ela se assustou com o pedido vindo de uma moradora dos apartamentos próximos ao imóvel onde reside.

“Por favor, chame a polícia para o apartamento 208. Tem que ser antes dele voltar. Ele vai me matar, por favor”, dizia o bilhete. A vizinha foi até o apartamento citado e percebeu que a mulher estava sozinha e sem telefone. Quando os PMs chegaram, a mulher mantida em cárcere privado autorizou que a porta fosse arrombada, já que ela não tinha as chaves.

Em conversa com a vítima, os militares ficaram sabendo de tudo que aconteceu. Segundo ela, há oito meses ela veio de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, e passou a viver com o suspeito. Porém, na semana passada eles tiveram uma briga e ela decidiu terminar o relacionamento, fato este não aceito pelo homem. A mulher saiu de casa prometendo voltar para a terra natal.

No último sábado (17), enquanto caminhava pelas ruas da cidade, o ex a viu e usando de força física, conforme registrado na ocorrência, mandou ela retornar para o apartamento e até mesmo ameaçou matá-la. No imóvel, a vítima teve os braços e pernas amarrados e acabou sendo estuprada. Depois disso, ainda foi agredida e novamente ameaçada de morte.

A vítima falou que gritou pedindo socorro, porém ninguém a escutou. A mulher ficou durante todo final de semana com medo de ser morta, já que o homem confessou ter matado uma pessoa em Alagoas.

Busca e prisão

A PM passou a fazer buscas na região e acabou sendo informada do local onde o suspeito estava. Os militares foram até o trabalho do homem e após fazer contanto com o chefe da segurança conseguiu localizá-lo. O homem foi preso em flagrante e encaminhado para a Delegacia de Plantão. A vítima, por sua vez, foi levada para um abrigo, após recusar atendimento médico.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS