28 novembro 2022 8:40
28 novembro 2022 8:40

A cada 5 empregos do setor de serviços em setembro, turismo gerou 1

Atividade econômica, a qual o setor está inserido, foi a que mais contratou no país, com mais de 122,5 mil vagas

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O mês de setembro trouxe bons números para o turismo brasileiro. Prova disso é que, segundo o Cadastro-Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged), do Ministério do Trabalho e Previdência (MTP), o segmento gerou um em cada cinco novos empregos do setor de serviços. A atividade econômica, a qual o turismo está inserido, foi a que mais contratou no país com mais 122,5 mil vagas criadas durante todo o mês.

As empresas de alojamento e alimentação foram as que mais criaram empregos no mês de setembro no setor. Foram mais de 18 mil vagas formais geradas pelos dois segmentos. O saldo foi positivo também para o segmento rodoviário, com a criação de 3,5 mil postos de trabalho. Ao todo, o turismo nacional compreende mais de 50 atividades econômicas que empregam, anualmente, milhões de brasileiros.

Em agosto, o Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC) divulgou também a retomada de mais de 270 milhões de empregos em todo o mundo em 2021. A entidade revelou ainda que o setor gerou mais 18,2 milhões de novos postos de trabalho, alta de 6,7% em relação ao ano anterior. Para a próxima década, a WTTC estima um crescimento médio anual de 5,8% na geração de novas vagas de empregos, que deve totalizar 126 milhões de vagas até 2032.

FATURAMENTO – De janeiro a agosto deste ano, o setor do Turismo faturou R$ 129,1 bilhões, representando um aumento de 33% frente a 2021 (R$ 97,2 bilhões) e de 41% na comparação com 2020 (R$ 91,4 bilhões). Em relação ao ano anterior à pandemia de coronavírus, já alcança 95% dos resultados obtidos em 2019. Somente em agosto, foram cerca de R$ 17,8 bilhões.

Entre os segmentos que mais contribuíram para rendimento em agosto estão os transportes aquaviário (+32%), aéreo (+19,9%) e terrestre (+8,5%). Os números foram divulgados na última sexta-feira (21.10) pelo Conselho de Turismo da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) e corroboram a recuperação do setor a partir da retomada de viagens pelo país e da importância do turismo no orçamento familiar e das empresas.

Por Victor Maciel

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS