7 outubro 2022 3:04
7 outubro 2022 3:04

“Te odeiam no Brasil”, brinca Anderson Silva com antigo rival

O evento que permitiu essa reunião foi a coletiva de imprensa pré-luta de Anderson para seu confronto com Jake Paul, em outubro.

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Anderson Silva e seu antigo rival Chael Sonnen se reencontraram, nessa segunda-feira (12/9), depois de 10 anos. O último encontro dos lutadores aconteceu em 2012, quando o brasileiro nocauteou o antigo rival.

O evento que permitiu essa reunião foi a coletiva de imprensa pré-luta de Anderson para seu confronto com Jake Paul, em outubro. Sonnen assumiu o posto de MC e os dois deixaram as tensões de lado para, inclusive, compartilhar uma piada no palco.

Na última luta em que os dois protagonizaram, Silva convidou o adversário, após vencê-lo na disputa pelo cinturão dos médios pela segunda vez, parara um churrasco para “enterrar o machado”. Na segunda, o lutador brincou sobre o convite.

“Você nunca vai à minha casa para o churrasco… Por quê?”, perguntou Anderson. Sonnen logo respondeu: “Ok, ok, foi isso que aconteceu. Eu não achei que fosse uma oferta sincera. Se eu soubesse que fui realmente convidado… E aí eu não sabia se sua esposa tinha me perdoado realmente, foi toda uma coisa, essa é a verdadeira resposta do porquê não fui”.

Na época, Sonnen fez um comentário, afirmando que a esposa de Silva tinha que cozinhar um bife para ele e que ele bateria na bunda dela.

O brasileiro insistiu para que o antigo rival fosse para um churrasco, mas brincou que não poderia ser no Brasil. “No Brasil, muita gente vai tentar te matar, acredite. As pessoas te odeiam no Brasil. Mas eu não, eu te amo, cara”, disse ele.

A rivalidade entre Anderson Silva e Chael Sonnen foi uma das grandes marcas da história do UFC, apesar de o americano ter perdido os dois confrontos.

Metrópoles

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS