4 dezembro 2022 4:01
4 dezembro 2022 4:01

Por supeitas de compra de votos no Jordão, Polícia Federal cumpre mandados de busca

Polícia batizou a ação como 'Operação Arbítrio' e teve como objetivo obter provas da prática do crime.

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

A Polícia Federal (PF) cumpriu um mandado de busca e apreensão para coletar informações sobre uma possível compra de votos, na cidade de Jordão, no interior do Acre.

De acordo com a polícia, alguns elementos informativos já tinham sido colhidos, nos quais o investigado utilizava de um grupo de WhatsApp conhecido na cidade para aliciar os eleitores a “chegarem junto” a um determinado candidato.

Além disso, áudios e fotografias também apontam para a prática ilícita e foram fundamentais para embasar a medida cautelar concedida pela 5ª Zona Eleitoral.

Por isso, foi cumprido o mandado com o objetivo de obter outras provas materiais acerca da possível compra de votos na região.

A investigação segue em andamento com tipificação de corrupção eleitoral, além de outros crimes previstos.

A ação da PF recebeu no nome de “Operação Arbítrio” poque faz referência à liberdade de escolha dos representantes por meio do direito ao voto.

Fonte/ A Gazeta do Acre

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS