22 setembro 2022 4:38
22 setembro 2022 4:38

Petrobras reduz preço do gás de cozinha, e botijão ficará R$ 3,15 mais barato nas distribuidoras

Preço médio de venda do quilograma do gás liquefeito de petróleo cairá R$ 0,24, de R$ 4,026 para R$ 3,784.

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

A Petrobras anunciou nesta quinta-feira (22) a redução de 6% no valor do GLP (gás liquefeito de petróleo), tradicionalmente conhecido como gás de cozinha. A determinação, que passará a valer a partir desta sexta-feira (23) para as distribuidoras, reduz de R$ 4,0265 para R$ 3,7842 o valor cobrado por cada quilo do líquido.

Com a redução, o valor cobrado pelas distribuidoras para um botijão de 13 kg será de R$ 49,19, o que equivale a uma redução média de R$ 3,15 no preço final do produto, conforme estimativas apresentadas pela empresa. O repasse integral aos consumidores não é garantido.

De acordo com a estatal, a redução acompanha a evolução dos preços de referência e é coerente com a prática de preços da Petrobras, que busca o equilíbrio dos seus preços com o mercado, mas sem o repasse para os preços internos da volatilidade conjuntural das cotações e da taxa de câmbio.

A redução corresponde à segunda queda no valor cobrado pelo gás de cozinha em dez dias. No período, o valor cobrado pelo GLP nas distribuidoras recuou mais de 10%, de R$ 4,23 para os R$ 3,78 que serão praticados a partir de amanhã.

De acordo com o último levantamento semanal da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis), o preço médio cobrado por um botijão de 13 kg de GLP era de R$ 113,25, valor 1,2% maior do que o praticado na semana anterior (R$ 111,91).

R7

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS