7 outubro 2022 3:06
7 outubro 2022 3:06

Na Baixada: Bombeiros resgatam corpo de idoso afogado no Rio Acre

Os militares ao chegar no local, foram informados que um homem havia mergulhado e não teria voltado a superfície

Por Angélica Florêncio/Ecos da Notícia

- Publicidade -

Mais um afogamento foi registrado na tarde deste domingo (04), em Rio Branco. A ocorrência foi gerada no Rio Acre, na rua Rio Grande do Sul, bairro Aeroporto Velho, região periférica da capital. A vítima é o idoso Francisco Carlos Martins, de 70 anos, conhecido como “Chico Branco”.

De acordo com um familiar, o senhor Francisco morava no Loteamento Rosa Linda, localizado no Segundo Distrito de Rio Branco, mas sempre estava na baixada da Sobral com os parentes e amigos. No sábado pela manhã, o idoso saiu da sua residência no Segundo Distrito e se encaminhou para a Sobral, onde permaneceu até o momento do afogamento. Na manhã de domingo, ele consumiu bebidas alcoólicas e já na parte da tarde disse que ia para o Rio se refrescar.

Francisco Carlos Martins, de 70 anos, vítima de afogamento. Foto: Cedida pela família

Testemunhas relatam que o idoso mergulhou e demorou para voltar. Mas como ele era acostumado passar muito tempo embaixo d’água, as pessoas não deram muita importância. O tempo foi passando e o idoso não voltou mais, preocupados, populares acionaram o Corpo de Bombeiros do 3° Batalhão. Os militares ao chegar no local, foram informados que um homem havia mergulhado e não teria voltado a superfície.

Os bombeiros iniciaram o procedimento de buscas, onde a equipe faz vários mergulhos para tentar encontrar a vitima, como não acharam o corpo do homem, os militares pediram reforços da equipe de mergulhadores do 2° Batalhão, que usou todos os equipamentos disponíveis e conseguiram encontrar o idoso no fundo do rio.

Corpo do idoso sendo transportado pelos peritos do IML. Foto: Ecos da Notícia

Parentes que estavam no local reconheceram o corpo do senhor Francisco Martins. Em seguida o Instituto Médico Legal foi acionado para remover o cadáver e levar até a sede da instituição para passar por exames de necropsias.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS