24 setembro 2022 11:38
24 setembro 2022 11:38

Malvino Salvador detona jornalismo da Globo e declara voto em Bolsonaro

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Malvino Salvador apoiou as atitudes de Jair Bolsonaro (PL) e defendeu o presidente do Brasil dos ataques da mídia, inclusive de sua antiga emissora. O ator disse que o político cometeu erros e não é uma má pessoa, mas mesmo assim é bombardeado de forma vista por ele como injusta. O artista opinou que a Globo pode ser líder de excelência em dramaturgia, porém, acha não faz o mesmo no Jornalismo.

“Bolsonaro tem boas intenções, mas faz algumas escolhas erradas, principalmente na forma de se comunicar. Nem todo governo é sempre assertivo ou errado. Acho que ele está sendo massacrado pela mídia de uma forma desonesta. Deveria ter espaço pra se mostrar também o que faz de bom”, detonou ele em entrevista ao podcast Cara a Tapa, no YouTube, na segunda (5).

Apesar de demonstrar apoio ao presidente, o artista admite os erros do político. “Tem erros ali também, como os ministérios, que deveriam ser melhores vistos; a cultura, que deveria ter um olhar diferenciado e não entrar em guerra. O Ministério da Educação também precisava ser diferente”, criticou.

Dispensado pela Globo, Salvador não tem mais contrato fixo desde a novela A Dona do Pedaço (2019). Assim como fez com outros artistas, a emissora trabalha agora com contratos por obra. O ator afirmou que voltaria a trabalhar na TV aberta se recebesse convites.

“Está mais adequado ao meu momento estar livre . Se pintar alguma coisa interessante no canal aberto, eu vou fazer. Ainda tem uma capacidade de comunicação de massa que nenhuma plataforma tem. Fiz minha carreira na TV aberta, tenho muito orgulho. Se surgir uma oportunidade, vou fazer na hora”, destacou.

Críticas à Globo 

O marido de Kyra Gracie disse estar incomodado com a forma que o departamento de Jornalismo da Globo dá as notícias. Ele enxerga que há um ataque gratuito a quem não segue determinados ideais.

“Eu falo de peito aberto: Eu acho que o jornalismo tem que ser isento. Não pode tomar lado de maneira alguma. Quem tem que formar a consciência é a pessoa, que tem que ter acesso aos dois lados da moeda”, detonou.

Salvador não vê os dois lados da moeda quando liga a televisão. Mesmo com as críticas à empresa, o ator faz ressalva: “A Globo é nota 10, mas eu acho que ela pode rever. Na parte da dramaturgia é brilhante, mas o Jornalismo é que me decepcionou um pouco. Fico triste”.

Fonte/ A Gazeta do Acre

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS