6 outubro 2022 12:20
6 outubro 2022 12:20

Homem que negou marmita a eleitora de Lula ganhou R$ 5 mil de auxílio

Cassio Cenali também responde na Justiça não pagamento de IPTU e o uso de cheque sem fundo para comprar gado

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O empresário Cassio Joel Cenali – que se tornou conhecido em todo o país após viralizar na internet um vídeo no qual diz que não vai mais dar marmitas a mulher por ela se dizer eleitora do petista Luiz Inácio Lula da Silva – recebeu R$ 5,2 mil do auxílio emergencial.

Segundo dados do Portal da Transparência do governo federal, Cenali recebeu cinco parcelas de R$ 600, quatro de R$ 300 e seis de R$ 150 entre abril de 2020 e outubro do ano passado.

Além disso, o empresário é alvo de diversos processos no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP). Cenali responde pelo não pagamento de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e pela distribuição de cheque sem fundo na compra de cabeças de gado por mais de R$ 30 mil.

“Última marmita”

O empresário fez o vídeo no último dia 31 de agosto, uma quarta-feira, dia em que costuma distribuir marmitas para a população carente em Itapeva. Nas imagens, o homem entrega uma caixa com comida para a mulher e a questiona: “Nesta campanha de Bolsonaro, a senhora é Bolsonaro ou Lula?”. A mulher, então, diz que vai votar no petista e o Cenali passa a reclamar:

“Esta é a última marmita que você vai receber”, diz ele, deixando a mulher sem reação. “Aqui não vem mais marmita, ela vai pedir para o Lula agora”, diz o homem.

Veja o momento:

 

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS