24 setembro 2022 12:07
24 setembro 2022 12:07

Em Los Angeles, Rapper é assassinado a tiros em restaurante

PnB Rock se mudou para Los Angeles em 2014, quando assinou o seu primeiro contrato com a Atlantic Records após o seu trabalho de estreia.

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

PnB Rock, de 30 anos de idade, foi assassinado a tiros em um restaurante de Los Angeles. O rapper estadunidense estava almoçando na companhia de sua esposa, Steph Sibounheuang. O atirador conseguiu fugir da cena do crime e ainda está foragido da polícia de LA. Ele deixa duas filhas, Milan e Xuri.

Segundo o TMZ, o casal estava no Roscoe’s Chicken & Waffles. Uma testemunha afirmou ao portal que o rapper parecia ser o único alvo do atirador. Entretanto, não foi divulgado se outras pessoas ficaram feridas no ataque ou se algum pertence de PnB Rock foi roubado. Horas antes, o artista publicou um vídeo em que mostrava várias joias.

A polícia de Los Angeles está analisando as câmeras de segurança do local para tentar identificar a motivação do crime, assim como o assassino. Há indícios que apontam que a ação pode ter sido premeditada, uma vez que a esposa do cantor postou o local em que o casal estava almoçando, atraindo, dessa maneira, o atirador.

PnB Rock se mudou para Los Angeles em 2014, quando assinou o seu primeiro contrato com a Atlantic Records após o seu trabalho de estreia. O seu nome artístico se referia ao bairro em que cresceu na Filadélfia: Pastorius e Baynton.

Ao longo dos anos, o cantor fez parceria com diversos artistas, como Ed Sheeran, Chance the Rapper, Wiz Khalifa, 2 Chainz, Kodak Black, Young Thug e A Boogie wit da Hoodie. Além disso, ele lançou dois álbuns de estúdio: Catch These Vibes, de 2017, TrapStar Turnt PopStar, de 2019.

Metrópoles

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS