4 dezembro 2022 3:59
4 dezembro 2022 3:59

Avôdrasto de 70 anos é condenado a 20 anos de prisão por abusar de menina de 12 anos

Menina ficava sozinha com avôdrasto durante parte da tarde

Por Midiamax

- Publicidade -

Um idoso de 70 anos foi condenado a 20 anos de prisão pelo estupro da neta de 12 anos, em cidade de Mato Grosso do Sul. O homem era casado com a avó da vítima. A sentença foi publicada em Diário da Justiça desta quarta-feira (28).

Segundo consta na denúncia, o crime aconteceu em 2018, quando a menina morava com sua mãe na casa da avó. Ela relatou na época que ficava sozinha com o avôdrasto e que um dos estupros aconteceu quando ela limpava o quarto de sua mãe, na parte da tarde.

“Ele abusou de mim, ele fez coisa mal comigo, ele mandava eu tirar a roupa”, disse a menina quando ouvida em depoimento especial na delegacia. A vítima ainda contou que, no mesmo período, passou a ser abusada sexualmente pelo tio.

A menina, na época, passou por exames que concluíram os estupros e que ela ainda havia adquirido candidíase vaginal por conta dos abusos.

O homem foi condenado a 20 anos de prisão em regime fechado, direito de recorrer em liberdade.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS