29 setembro 2022 6:35
29 setembro 2022 6:35

Após torturar filha com corrente, mulher é presa

A mulher trabalhava como atendente de uma panificadora na região, e, se condenada, poderá pegar até oito anos de prisão

Por Jornal de Brasília

- Publicidade -

A Polícia Civil prendeu uma mulher de 22 anos em flagrante na última sexta-feira (2), suspeita de torturar e agredir os próprios filhos, uma menina de cinco anos e um menino de um ano. A denúncia foi feita por testemunhas ao Conselho Tutelar de Sobradinho II.

Segundo informações da 35ª Delegacia de Polícia, os crimes aconteciam com frequência, mas na última sexta, a progenitora teria usado um chinelo e uma corrente para agredir a menina, que também relatou ter sido empurrada contra a parede, lesionando o rosto.

A mulher trabalhava como atendente de uma panificadora na região, e, se condenada, poderá pegar até oito anos de prisão. Uma tia foi acionada pelo Conselho Tutelar para cuidar das crianças enquanto a investigação acontece.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS