4 outubro 2022 8:58
4 outubro 2022 8:58

Após bebê de 9 meses morrer carbonizada em casa, mãe é presa por abandono

Segundo a PM, a suspeita disse que estava em um bar no momento em que a casa pegava fogo; caso será investigado

Por O Tempo

- Publicidade -

Uma bebê de 9 meses morreu carbonizada dentro da casa em que morava na cidade de Pirapora, no Norte de Minas, nessa terça-feira (6). A mãe da vítima, de 23, foi presa por abandono de incapaz. A suspeita confessou ter saído do imóvel para comprar um creme e acabou indo, na sequência, até o bar de uma amiga para consumir bebida alcoólica.

Quando os militares chegaram no bairro Cidade Jardim encontraram o Corpo de Bombeiros e populares apagando as chamas. Em determinado momento, um menino, de 9 anos, apareceu dizendo que a família morava no imóvel e que ele estava dando falta da irmãzinha. Segundo ele, apenas o outro irmão, de 3, havia conseguido escapar.

Diante da informação, os militares entraram na casa e começaram as buscas. O corpo da bebê foi encontrado totalmente carbonizado entre os escombros do telhado. A perícia da Polícia Civil compareceu e realizou os trabalhos de praxe. O corpo foi levado por uma funerária da cidade. As causas do incêndio não foram informadas.

Abandono frequente

Vizinhos contaram que a mãe das crianças havia saído ainda durante o dia e que ela tem o costume de deixar os filhos sozinhos no imóvel. Por conta disso, o Conselho Tutelar da cidade acompanhava a família e chegou a deixar os pequenos sob os cuidados da avó materna.

Durante o registro da ocorrência, a mãe das crianças apareceu e aparentava estar desesperada. A mulher queria entrar no imóvel e, conforme registrado na ocorrência, passou a ofender os militares. A suspeita foi contida e algemada.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS