13 agosto 2022 7:17
13 agosto 2022 7:17

Servidores da Justiça Eleitoral esclarecem dúvidas sobre segurança das urnas e ações do TRE-AC para facilitar a vida do eleitor

Uma das grandes novidades, neste ano, para os eleitores do Acre, é a gratuidade do transporte coletivo, até às 17 horas, para quem apresentar o comprovante de votação, no retorno para casa.

Por Redação Ecos da notícia

- Publicidade -

A menos de dois meses para as Eleições 2022, prevista para o dia 2 de outubro, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e os tribunais regionais estão trabalhando, incansavelmente, para garantir a transparência do pleito e informar a população sobre o processo. Na última sexta-feira, e equipe de reportagem recebeu a visita do coordenador dos Sistemas Eleitorais do TSE, José Melo, e da diretora-geral do Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE/AC), Rosana Magalhães, para falar sobre a transparência do processo.

Servidor de carreira do TSE, José Melo ingressou na instituição em 1996, junto com a implantação das urnas eletrônicas, e foi categórico ao defender a segurança do equipamento.

“Eu entrei na Justiça Eleitoral em 1996, junto com as urnas eletrônicas, são 23 anos, e nunca, em toda a história da Justiça Eleitoral, houve qualquer evento que pudesse, minimamente, comprovar uma fraude eleitoral. Nada foi provado nesse tempo, muito pelo contrário, só se comprovou a segurança e a integridade desse processo”, ponderou Melo.

O coordenador destacou, ainda, que todas as urnas são auditadas, continuamente, e a votação paralela é um dos procedimentos que garante a seguridade do sistema. “No sábado, são sorteadas urnas, serão 20 aqui no Acre, e essas urnas já estão nos locais de votação. Elas são recolhidas e levadas ao TRE e serão feitas votações conhecidas, isso tudo será filmado. Esse processo é realizado há 20 anos e nunca mostrou nenhum erro nas urnas eletrônicas”, pontuou.

Uma das grandes novidades, neste ano, para os eleitores do Acre, é a gratuidade do transporte coletivo, até às 17 horas, para quem apresentar o comprovante de votação, no retorno para casa. A iniciativa é do TRE/AC, em parceria com a Prefeitura de Rio Branco e a empresa Ricco Transportes, que opera o transporte coletivo na capital acreana.

Fonte/ A Gazeta do Acre

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS