17 agosto 2022 3:33
17 agosto 2022 3:33

Papa Francisco não descarta renunciar por problemas de saúde: ‘Não seria uma catástrofe’

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O papa Francisco (foto) afirmou que pode chegar o momento em que ele precise avaliar a possibilidade de renunciar, caso seu estado de saúde o impossibilite de servir ao cargo.

Em entrevista coletiva no avião que o levou do Canadá para Roma, Francisco disse que deve reduzir o ritmo de suas viagens.

“Não acredito que possa manter o mesmo ritmo de viagens de antes. Acredito que na minha idade, e com esses limites, devo me poupar para poder servir à Igreja, ou pelo contrário pensar na possibilidade de me colocar de lado”, afirmou.

“Não é uma catástrofe mudar de papa, não é um tabu”, acrescentou.

Francisco sofre com dores no joelho que impactaram sua mobilidade. Durante boa parte de sua viagem ao Canadá ele usou cadeira de rodas.

O Antagonista

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS