7 outubro 2022 1:39
7 outubro 2022 1:39

O que pode fazer a caixa Tem recusar seu pedido de empréstimo?

Caixa TEM não aprovou o seu pedido de empréstimo? Aqui há uma lista de razões pelas quais você pode ter sido recusado. Fique atento.

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Recentemente a Caixa Econômica Federal lançou um novo programa de crédito que atende principalmente as pessoas que são MEI, ou seja, as microempresárias. O programa se chama SIM Digital. Ainda que ele realmente facilite os empréstimos para pessoas físicas e jurídicas, há formas de essa contratação dar muito errado.

Para deixá-lo ciente antes de que você vá em frente, nós vamos abordar os três principais motivos que podem levar a Caixa a não aprovar o seu pedido de empréstimo. Fique de olho nas dicas para ter mais sucesso na solicitação.

Não ter passado pela análise automática realizada pelo aplicativo

Precisamos lembrar da importância que é a avaliação de dados do requerente. O Caixa Tem faz esse trabalho de forma automática, sendo assim é essencial ter certeza de que as informações fornecias estão todas corretas.

Se alguma coisa estiver errada e causar incongruência, você terá o empréstimo negado na hora. O lado bom é que sempre é possível fazer uma atualização cadastral, então se algo estiver alterado, é possível simplesmente corrigir. Nesse caso, o prazo é de dez dias para a aprovação. Os pontos importantes para a liberação do credito da Caixa são:

  • Informações cadastrais do usuário;
  • Histórico de crédito;
  • Renda mensal.

Ter dívidas acima de R$ 3 mil desde janeiro de 2022

Dívidas são sempre um problema na hora de contratar qualquer tipo de crédito. Há uma regra estabelecida pela Portaria MP n° 660 que diz que quem tem contas acima de R$ 3 mil não pode contratar empréstimos.

Pessoas Físicas ou Microempreendedores Individuais (MEI) que possuem operações de crédito em bancos com valor somado total maior que R$3 mil não são elegíveis para contratação do crédito”, é informado.

Vale lembrar que financiamento de casa própria não conta como dívida e tampouco estar negativado, contanto que o débito fique abaixo desse valor, a pessoa está livre para solicitar o crédito em questão.

Não se encaixar na proposta do SIM como empreendedor

Essa última parte da lista é muito importante, porque temos que lembrar que a proposta do SIM Digital é estimular o empreendedorismo popular e ajudar na formalização de pequenos negócios. Com isso em mente, o crédito liberado pela Caixa não é para ser usado para pagamento de contas ou qualquer coisa de uso pessoal.

O que a Caixa quer de verdade é que os sujeitos que têm um negócio ou queiram iniciar algo possam fazer o investimento necessário, comprando insumos, aparatos de trabalho, móveis e tudo o que possa ajudar com a microempresa. Antes de tentar contratar, é importante lembrar que os juros são de 1,95% a 1,99% ao mês quando o assunto é o SIM Digital enquanto que são de 3,99% no crédito tradicional do Caixa Tem.

Fonte: Edital Concursos Brasil

 

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS