26 setembro 2022 8:20
26 setembro 2022 8:20

Neta confessa ter assassinado avó; vítima foi asfixiada e teve o corpo queimado

Por Imediato

- Publicidade -

Uma mulher de 28 anos, foi presa nesta terça-feira (16), após confessar para a polícia que matou a própria avó, de 69 anos, asfixiada e depois queimou o corpo em Pontalina, no sul de Goiás.

Segundo a Polícia Civil, a jovem acreditava que a avó era responsável por problemas que aconteciam na família. A idosa necessitava de cuidados em tempo integral.

“A autora se utilizou de um cinto para asfixiar a vítima e após atingir seu propósito, tentou colocá-la dentro de uma mala”, relatou o delegado Pedro Democh.

Ainda de acordo com a polícia, a dona de casa comprou substâncias inflamáveis e jogou sobre o corpo. Com o corpo parcialmente queimado, a jovem acabou se arrependendo, ligou para a Polícia Militar e confessou o crime.

A neta foi presa em flagrante por homicídio qualificado, já que houve asfixia e circunstâncias que dificultaram a defesa da vítima.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS