24 setembro 2022 7:58
24 setembro 2022 7:58

Conheça o SIM swap: O novo golpe aplicado em grande escala pelo celular e que já fez dezenas de vítimas no estado do Acre

Vários clientes acreanos já tiveram seus dados lesados, e não fazem idéia do prejuízo financeiro e moral que ainda podem sofrer.

Por Catriny Souza/Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O golpe da vez é o “SIM swap”. Esse novo golpe, tem sido aplicado em todo País, e principalmente em grande escala no estado do Acre. As autoridades já estão em alerta e em busca dos golpistas.

Trata-se da clonagem do chip do celular. Esse golpe consiste na busca de informações sobre os dados pessoais do usuário, entrando em contato com a operadora telefônica contratada pela vítima. O golpista informa ao operador de telemarketing que perdeu o chip do telefone, precisando portanto, reabilitar “um novo chip”. Com o novo chip habilitado, o criminoso passa a ter acesso aos contatos, aplicativos bancários, e à todas as informações da vítima.

Está em contato com a operadora de serviços telefônicos em suspeita de tentativa de golpe, é uma forma eficiente de proteger os dados pessoais. Foto: Imagem ilustrativa retirada da internet.

No Acre, já são vários os registros de clientes vitimados pelo no golpe SIM Swap, que pode trazer grandes prejuízos financeiros e morais aos usuários de serviços telefônicos.

Em recente decisão, a Justiça de Santa Catarina, considerou de responsabilidade da operadora de telefonia, os danos causados à um casal, vítima do golpe SIM swap. O casal catarinense perdeu aproximadamente R$ 5 mil com a fraude, e ingressou na justiça  responsabilizando a operadora, e requerendo o ressarcimento do valor perdido.

O magistrado considerou a falha de segurança da operadora, e afirmou que a habilitação de um novo chip, só é possível mediante a autorização da operadora telefônica, condenando portanto, a empresa em arcar com os danos morais e materiais sofridos pelas vítimas.

Com a implantação de atendimentos “eletrônicos robôs”, o acesso aos dados dos cliente foi automaticamente facilitado, e as quadrilhas aproveitaram a oportunidade, aplicando diversos golpes no maior número de clientes possíveis.

O golpe tem sido aplicado em grande escala no estado do Acre, e prioridade é ficar atento, e não fornecer dados pessoais sem necessidade. Foto: Imagem ilustrativa retirada da internet.

O Código de Defesa do Consumidor considera a questão como “falha na prestação do serviço”.

A dica é proteger os dados bancários e informações pessoais, principalmente “quando estiver baixando aplicativos no celular”.

Ao receber ligação da operadora, certifique-se de que o atendimento é o serviço que você contratou, não forneça dados sem necessidade, e forneça informações pessoais, apenas mediante confirmação de códigos ou informações oficializadas entre você e a sua operadora telefônica. A segurança de seus dados também é responsabilidade sua.

Em caso de lesão aos seus dados ou tentativa de fraude, busque um órgão especializado em crimes cibernéticos e acione a justiça o mais rápido possível. 

 

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS