5 agosto 2022 4:19
5 agosto 2022 4:19

No Acre, cadeirante monitorado pela justiça sofre terceira tentativa de homicídio

A vítima já sofreu outras duas tentativas, uma delas o deixou paraplégico

Por Angélica Florêncio/Com informações O Alto Acre

- Publicidade -

O cadeirante monitorado por tornozeleira eletrônica, K.S.A, 33 anos, sofreu um tentativa de homicídio, na tarde desta sexta-feira, 29, na rua 4 de Março, bairro Eldorado, no município de Brasiléia/AC.

O presidiário estava  em via pública, quando foi abordado por dois homens, em uma motocicleta, de cor vermelha, quando o garupa sacou uma arma e efetuou vários tiros. Nove disparos atingiram o rapaz, sendo cinco no tórax, um no abdômen, dois no braço e um na coxa. Os criminosos fugiram após o crime. Militares encontram no local do crime, 9 cápsulas de pistola 9mm.

Foto reprodução

A vítima foi socorrida e levada em carro particular até o hospital. Ao dar entrada na Unidade de Saúde, em estado grave, foi atendida pela equipe médica plantonista do Hospital Regional do Alto Acre.

Segundo os médicos, o homem terá que ser transferido para a capital Rio Branco, para ser submetido a um cirurgia de emergência no Pronto Socorro da capital.

A Polícia Civil do município investigará o caso. A motivação possivelmente seria acertos de contas entre integrantes de facções criminosas. Segundo a autoridade policial, essa seria a terceira tentativa de homicídio que a vítima sofreu, uma dessas teria deixando ele de cadeira de rodas.

ÚLTIMAS