16 agosto 2022 1:23
16 agosto 2022 1:23

Morre autor do bordão ‘me dê, papai’, fenômeno nas redes sociais

Homem passou mal em frente a um bar na cidade de Tauá, no interior do Ceará

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O homem que virou meme com o bordão “me dê, papai”, fenômeno nas redes sociais pelo uso em diversos memes, morreu no início da tarde deste domingo (3), em Tauá, no interior do Ceará. Iatami Alves Bezerra, de 56 anos, conhecido por “Zé Iaiá”, ficou famoso após um vídeo dele viralizar em 2015.

Segundo testemunhas, “Zé Iaiá” passou mal e desmaiou em frente a um bar na Rua Júlio Gonçalves da Silva, no Bairro Bezerra de Souza.

Conforme a Polícia Militar, os agentes foram acionados, mas quando chegaram ao local uma equipe do Samu já havia constatado o óbito da vítima, por parada cardíaca.

Um procedimento sobre a morte de Zé Iaiá foi registrado na Delegacia Regional de Tauá.

Nas imagens de Zé Iaiá que viralizaram, ele é questionado por outra pessoa ser quer bolacha, leite ou comer e ele responde negativamente, fazendo uma cara de choro. Quando perguntado se quer cachaça, Zé sorri e diz: “me dê, papai”.

O vídeo de Zé publicado no YouTube tem 1,6 milhão de visualizações e foi compartilhado em diversas páginas de humor.

Por G1 Ceará

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS