13 agosto 2022 3:32
13 agosto 2022 3:32

“Matei porque reagiu”, disse acusado de estrangular idosa

José Paulo Trindade matou Geralda Cândida Santos Nascimento, 79 anos, em dezembro de 2021. À polícia, ele confessou o crime

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O homem acusado de estrangular uma idosa com um fio de telefone no Guará, José Paulo Trindade (foto em destaque), confessou o crime à Polícia Civil do DF (PCDF). O assassino foi preso neste sábado (30/7), no município de Ribeirão Preto (SP).

“Ele admite o crime, disse que não queria matá-la, mas como ela reagiu, precisou contê-la”, contou Anderson Espíndola, delegado-chefe da 4ª Delegacia de Polícia (Guará II), responsável pela investigação. Os agentes da unidade policial monitoraram o foragido durante oito meses até o desfecho da prisão.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS