8 agosto 2022 8:26
8 agosto 2022 8:26

Lula sobe; Bolsonaro cai e vantagem chega a 13 pontos percentuais

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) cresceu três pontos percentuais nas intenções de voto para a presidência da República desde a última rodada da pesquisa BTG Pactual, produzida pelo Instituto FSB Pesquisa. No levantamento divulgado nesta segunda-feira (25/7), o petista aparece com 44% das intenções de voto, enquanto o presidente Jair Bolsonaro (PL) cai para 31%. Com isso, a diferença entre os dois chega a 13 pontos percentuais.

Na terceira posição aparece o candidato pelo PDT, Ciro Gomes, com 9% das intenções de voto. Na sequência, a ex-senadora Simone Tebet (MDB), com 2%; André Janones (Avante), também com 2%; e Pablo Marçal (Pros), com 1%. Os demais nomes não pontuaram.

No segundo turno, o petista também cresceu de 53% para 54%. Enquanto isso, Bolsonaro caiu de 37% para 36%. Lula vence nos três cenários testados, com Bolsonaro, Ciro Gomes e Simone Tebet. Já Bolsonaro perde em todos os três cenários.

A pesquisa também mostrou que 75% dos eleitores já estão com o voto decidido e dizem que não irão mudar de candidato. Apenas 24% afirmam que podem alterar a opção de voto. Segundo o levantamento, em nenhuma outra eleição faltando ainda pouco mais de dois meses para o pleito, os brasileiros estiveram tão decididos. Além disso, os eleitores de Lula e Bolsonaro são os mais convictos em quem vão votar.

O levantamento também apontou que 58% dizem que não votariam em Bolsonaro de jeito nenhum e 42% não votariam em Lula. A avaliação da gestão de Bolsonaro segue estável, 58% desaprovam o governo.

A pesquisa ouviu 2 mil eleitores entre 22 e 24 de julho por telefone. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número BR-05938/2022.

ÚLTIMAS