10 agosto 2022 4:02
10 agosto 2022 4:02

Líderes financeiros do G20 se reúnem em Bali sob nuvem da guerra na Ucrânia

O G20 inclui países ocidentais que impuseram sanções à Rússia e a acusam de crimes de guerra na Ucrânia, algo negado por Moscou, e nações como China, Índia e África do Sul, mais silenciosas em suas respostas.

Por Redação Ecos da notícia

- Publicidade -

Líderes financeiros do G20 se reúnem nesta sexta-feira, 15, no balneário turístico de Bali, enquanto a anfitriã Indonésia tenta encontrar um terreno comum em um grupo desgastado pela guerra na Ucrânia em meio às crescentes pressões econômicas impostas pela inflação em alta.

invasão da Ucrânia pela Rússia, que o Kremlin chama de “operação militar especial”, ofuscou reuniões anteriores do Grupo das 20 principais economias, incluindo a reunião de ministros das Relações Exteriores na semana passada.

O presidente da Indonésia, Joko Widodo, disse a representantes do Banco Mundial em um encontro em Jacarta esperar que os membros do G20 “divulguem um comunicado” depois de concluírem sua reunião no sábado, segundo seu ministro do Planejamento.

O G20 inclui países ocidentais que impuseram sanções à Rússia e a acusam de crimes de guerra na Ucrânia –algo negado por Moscou–, e nações como China, Índia e África do Sul, mais silenciosas em suas respostas.

Autoridades alemãs e francesas expressaram ceticismo de que um terreno comum possa ser alcançado devido às tensões sobre a Ucrânia.

A secretária do Tesouro dos EUA, Janet Yellen, disse nesta quinta-feira que a guerra está causando um efeito negativo globalmente e que as autoridades russas não têm lugar na reunião do G20.

O ministro das Finanças da Ucrânia deve falar virtualmente em uma das sessões, disse a Indonésia. O ministro das Finanças russo, Anton Siluanov, discursará virtualmente na reunião, com seu vice viajando para Bali.

Fonte/ Portal moneytimes.con

 

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS