18 agosto 2022 6:06
18 agosto 2022 6:06

Idoso é espancado e morre durante show de Fábio Jr

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Um homem de 63 anos morreu após ser espancado durante um show do cantor Fábio Jr. em Sorocaba, interior de São Paulo, na madrugada do último sábado (30). De acordo com o G1Antônio Carlos Juliano foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu em uma unidade de saúde da cidade.

Testemunhas disseram que Antônio, que era sócio antigo do Clube de Campo de Sorocaba, onde acontecia a apresentação, brincava com as pessoas em mesas próximas. Em determinado momento, começou uma confusão e o homem foi ao chão após ser agredido. O suspeito é Leandro Luiz Manrique, que passou por audiência de custódia e foi preso preventivamente.

Em nota, a defesa do suspeito alegou que ele também era vítima e tanto Leandro quanto Antônio teriam sido agredidos por seguranças do clube: “Leandro Luiz Manrique e Antônio Carlos Juliano são vítimas, não sabendo identificar se foram dos seguranças do Clube de Campo de Sorocaba ou do cantor Fábio Jr.”, dizia o texto. “Várias pessoas tentavam acesso ao camarim, quando houve um princípio de tumulto e os seguranças bateram tanto no Leandro, que ficara inconsciente, como no Antônio. Ou seja, todos foram espancados pelos seguranças.

O clube emitiu uma nota comunicando o falecimento do sócio e refutou a acusação de que os seguranças teriam agredido os dois: “Lamentamos profundamente o ocorrido no Clube de Campo Sorocaba na madrugada deste sábado, que resultou no óbito de um sócio após o show do cantor Fábio Jr. Nos solidarizamos com a família da vítima e informamos que daremos o apoio necessário, inclusive às autoridades“, diz a nota.

Reiteramos que a UTI móvel contratada para o evento, assim como profissionais da saúde, agiram prontamente para socorrer a vítima. O efetivo de seguranças também estava no local e agiu assim que percebida a movimentação. Eles identificaram o agressor, que foi encaminhado por policiais militares à delegacia para que fossem tomadas as devidas providências legais“, concluiu o texto.

Fonte: Yahoo!

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS