18 agosto 2022 12:45
18 agosto 2022 12:45

Governo define data do Arraial Cultural

Por Agência do Acre

- Publicidade -

Para quem aguardava a data para a realização da 21° edição do Arraial Cultural do Governo do Acre, por meia da Fundação de Cultura Elias Mansour, já pode anotar na sua agenda e aguardar a festança.

Após dois anos de paralisação devido a pandemia, a Fundação de Cultura Elias Mansour (FEM) já preparou toda a programação para a 21° edição da maior festa junina do estado.

Arraial cultural de 2019. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Tradicionalmente o evento ocorre durante seis noites, no Calçadão da Gameleira, em Rio Branco. Esse ano o evento inicia no dia 12 de julho e se encerra no dia 17 de julho, a programação está marcada para iniciar às 17 horas e finalizar às 22.

Uma das principais atrações será o Concurso Estadual de Quadrilhas Juninas. Dentro do Arraial Cultural, o espaço para os empreendedores estará garantido, com a barracas de alimentação e bebidas.

Para o público, além das quadrilhas que se apresentarão durante as seis noites de festa, poderá se entreter com os famosos bingos que dentro vários prémios terá a já tradicional galinha recheada.

Concurso Estadual de Quadrilhas Juninas edição 2019. Foto: arquivo Secom

Para a coordenadora do evento, Laudenice Pessoa, o Arraial Cultural deste ano tem um valor sentimental muito forte para a cultura e para as festividades juninas.

“A edição deste ano tem um forte sentido para nós, pois ela representa o retorno da alegria, da dança, das cores e de algo que faz parte de nossa identidade. Ainda se somado as pessoas que perdemos devido a pandemia, que nos impossibilitou de estar vivendo essa essência que a Gameleira e o Arraial Cultural transmite para nós, pois aqui sempre foi um local de encontro entre amigos, famílias e as culturas juninas. Por isso esta edição é tão significativa para nós”, revela.

A coordenadora faz um convite especial para a população para que possa ir prestigiar o Arraial Cultural durante as seis noites.

“Fica o convite, que as pessoas possam vir prestigiar esse evento que é tão nosso, representa tanto nossas raízes e a nossa história”, destaca Pessoa.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS