15 agosto 2022 2:12
15 agosto 2022 2:12

Fiel diz que pastor pediu carro emprestado e sumiu; polícia investiga

Pastor frequentava casa de família de fiéis, em Goiânia, havia cerca de um mês e pediu carro emprestado para levar a mulher ao médico

Por Metrópoles

- Publicidade -

Um pastor evangélico da capital goiana está sendo investigado pela Polícia Civil de Goiás (PCGO) por fugir com um veículo que ele havia pedido emprestado para levar a esposa ao médico.

A família detentora do automóvel levou o caso à polícia e se disse surpresa pelo fato de o homem utilizar da religião e da boa fé das pessoas para conquistar a confiança e cometer o crime.

O suposto pastor, identificado como Murilo Alves Martins, conheceu a família há cerca de um mês e passou a frequentar a casa em momentos de oração.

Na última quinta-feira (14/7), ele foi até a residência das vítimas e pediu o carro emprestado, alegando que precisava levar a mulher ao hospital. Ele disse, ainda, que devolveria o veículo durante a tarde, mas, até então, quase uma semana depois, ele ainda não apareceu.

O carro pertence ao eletricista predial Jheyfferson da Silva, que o utilizava como instrumento de trabalho. Agora, além de lamentar o transtorno, o pai de duas crianças pequenas calcula um prejuízo de mais de R$ 30 mil.

Em entrevista à TV Anhanguera, filiada da TV Globo em Goiás, a irmã de Jheyferson, Steffany Lorrane Fernandes Silva, disse que a família não suspeitou do pedido feito, justamente, por se tratar de um pastor.

O caso vem sendo tratado pela polícia como apropriação indébita e Murilo Alves Martins segue sendo procurado.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS