10 agosto 2022 5:09
10 agosto 2022 5:09

Ex-ator de “Power Rangers” é condenado à morte por duplo homicídio nos EUA

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Conhecido por ter estrelado a série de TV “Power Rangers“, John Julius Jacobson Jr., também conhecido por seu nome artístico Skylar Julius Deleon, de 42 anos, foi condenado à morte na Califórnia, nos Estados Unidos, por duplo homicídio.

O ator, que nunca conseguiu emplacar a sua carreira de ator, mesmo após uma pequena participação na série, começou a cometer crimes com a ex-esposa, Jennifer Henderson. Em 2004, eles sequestraram os donos de um iate avaliado em US$ 435 mil (cerca de R$ 2.382 milhões na cotação atual) e forçaram Thomas e Jackie Hawks a assinarem documentos confirmando que haviam vendido a embarcação a Deleon e a mulher. Em seguida, eles amarraram o casal a uma âncora e os jogaram do iate. Os corpos nunca foram encontrados.

O processo de investigação começou após um dos cúmplices confessar o crime, o que levou à prisão e, posteriormente, à confissão de Deleon, que acabou condenado à morte por injeção letal. No entanto, como não há pena de morte na Califórnia, ele viverá o resto da vida no corredor da morte. A ex-esposa dele recebeu uma sentença de prisão perpétua.

Na prisão, em 2009, Deleon revelou se identificar como uma mulher transgênero: “Eu não sinto atração por homens. Mas eu quero a cirurgia e eu tenho 100% de certeza de que eu a quero. Mas eu só gosto de mulheres”, declarou à ABC News na época. Dez anos depois, ele mudou o seu nome oficialmente para Skylar Preciosa Deleon.

Fonte: Yahoo!

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS