8 agosto 2022 4:58
8 agosto 2022 4:58

Engasgo: como aplicar Manobra de Heimlich em bebês, crianças e adultos

Médico ensina passo a passo de primeiros socorros. Entenda como ajudar a salvar uma vida.

Por Fantástico

- Publicidade -

Os primeiros socorros são essenciais para salvar a vida durante processo de engasgo. Conheça como funciona a Manobra de Heimlich, que pode ser aplicada em crianças e adultos.

Manobra de Heimlich: como aplicar para salvar vida durante engasgo

O pediatra Daniel Hilário, coordenador do SAVC (Suporte Avançado de Vida), lembra que todas as pessoas estão aptas a ajudar nos primeiros socorros. Mas ele lembra que o procedimento é diferente em bebês menores de um ano. Já em crianças, adolescentes e adultos, a aplicação é a mesma.

📌 Técnica para bebês menores de um ano:

1- Reconhecer que o bebê está cianótico, sem respirar ou com muita dificuldade respiratória. Geralmente a boca fica roxa.
2-Colocar o bebê sobre a nossa perna. Virar a cabeça dele para baixo, segura a boca até ficar meio aberta e fazer cinco compressões firmes contra o dorso dele. Bater na costas.
3-São batidas vigorosas para que a gente consiga realmente empurrar esse corpo estranho. Não tenha medo de machucar a criança, porque a mão de baixo está protegendo a parte frontal do corpo dela.
4-Com um dedo, abra a boca da criança. Proteja o tórax e vire a criança de volta para observar se ela continua com dificuldades para respirar.
5-Se ela continua com dificuldades para respirar, faça cinco compressões torácicas. Coloque dois dedos na linha entre os mamilos e empurre contra o tórax da criança por cinco vezes por cinco segundos.
6-Se ela não se recuperou, não está conseguindo respirar e a boca continua roxa, vire novamente para baixo, abre a boca e faço novamente a manobra.

O que vai acontecer com a criança se ela não se recupera?

“Ela pode vir a evoluir com uma parada cardiorrespiratória”, diz o médico, que ensina como iniciar manobras de reanimação cardiopulmonar:

1-Colocar o bebezinho apoiado na nossa coxa e aplicar cinco compressões bastante vigorosas no dorso.
2-Retornar a criança para o seu colo. Observe se ela consegue expelir o corpo estranho e se ela tem respiração normal.
3-Se ela não tem respiração normal, faça a manobra de cinco compressões torácicas na linha entre os mamilos do bebê. São cinco compressões usando os dois dedos.

A criança não se recuperou, continua roxinha e com dificuldades para respirar. O que fazer?

“Você precisa de ajuda. Leve a criança imediata para um hospital. Se o bebê não conseguisse sair do engasgo, ele vai acabar evoluindo para uma parada cardiorrespiratória. É necessário fazer a reanimação e de uma maneira muito simplificada, as mesmas compressões torácicas podem ser aplicadas”, resume o especialista.

Como fazer reanimação cardíaca de maneira muito simplificada?

“A gente vai apertando, com dois dedos, contra o tórax do bebê enquanto a gente vai encaminhar essa criança para a unidade de saúde mais próxima. Ligue para o SAMU ou 190” , lembra o médico.

Por quanto tempo uma criança pode ficar engasgada?

“Muito pouco! A criança piora rapidamente quando a via está completamente obstruída por algum corpo estranho. Enquanto alguém está fazendo a manobra, se tiver mais gente por perto, a outra pessoa já tem que estar chamando ajuda”, afirma o pediatra.

“Muitas pessoas acham que podem abrir a boca do bebê e retirar… Se após as manobras você conseguir enxergar o corpo estranho dentro da boca, você pode retirar. Mas não pode fazer uma busca ou enfiar o dedo e tentar tirar a esmo. Tem que enxergar realmente o corpo estranho, a fruta, o brinquedo dentro da boquinha do bebê…”

Se você não está enxergando nada estranho, cuidado!

“Corre o risco de você empurrar ainda mais esse corpo estranho para dentro da via aérea e piorar ainda mais o caso. O ideal é fazer a manobra, tentar expelir, desobstruir…”, diz o pediatra.

É necessário ver o alimento sair?

“Sim. São três tentativas da manobra. Você só interrompe essas tentativas se realmente enxergou o que houve, a saída do corpo estranho”

Se o bebê começou a recuperar a cor, se a respiração começou a melhorar, a manobra foi realizada com sucesso!

📌 Técnica para crianças com mais de um ano:

1-Viramos a criança e identificamos se ele já expeliu o corpo estranho. Se não, a gente vai fazer cinco compressões com os dois dedos da mão na linha entre os mamilos.
2-Não está se recuperando, continua com a boca roxa e não consegue respirar, nós podemos repetir a mesma manobra com as compressões mais duas vezes.
Se o engasgo acontecer com uma criança maior ou um adulto, a manobra é bem diferente.

📌 Técnica para crianças maiores e adultos:

1- Se a criança for pequena, ajoelhe atrás dela e abrace por trás. O ideal é apoiar ela contra o seu tronco.
2-É necessário observar a região entre o umbigo e região de baixo do tórax
3-Colocar a mão acima do umbigo e virar o nosso dedo polegar contra o tórax. Fazer o movimento para baixo e para cima que lembra a letra J. O objetivo é comprimir o diafragma para ajudar a criança a expelir o corpo estranho.
4-Se for adulto, pode-se fazer o mesmo procedimento com ele em pé. Se posicione atrás dessa pessoa e faça o mesmo movimento. Coloque a sua mão acima do umbigo e vire o seu polegar contra o tórax. Fazer o movimento para baixo e para cima que lembra a letra J. Tente realmente expelir o corpo estranho da via aérea dessa pessoa.

Quanto tempo podemos fazer essa tentativa?

“Se a partir da primeira tentativa a criança não responde ou não consegue respirar, ela pode estar evoluindo para um quadro de parada cardiorrespiratória. Peça ajuda! Precisa acionar 190 e tentar uma reanimação cardiopulmonar. Faça até 3 tentativas… Se a pessoa não expelir o objeto, vai ser necessário um profissional ou alguém habilitado para iniciar os passos de reanimação cardiopulmonar”

O curso de primeiros socorros é obrigatório em creches e escolas. As pessoas podem ajudar?
“Sem dúvida! O curso é completo e dura seis horas. Essa operação tem que ser muito rápida e precisa de pessoas preparadas”, resume o médico.

 

ÚLTIMAS