8 agosto 2022 9:58
8 agosto 2022 9:58

Com look transparente, Juliette é proibida de entrar em igreja em Barcelona: ‘Vergonha’

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Juliette Freire passou por uma situação desconfortável em Barcelona, na Espanha, para onde foi turistar. A campeã do “BBB 21“, que recentemente viralizou após carregar uma criança pelo aeroporto, contou em sua rede social que foi barrada em um dos pontos turísticos mais famosos do local, a Igreja Sagrada Família.

“A gente saiu de casa e não tinha certeza que ia visitar a igreja. Então coloquei uma roupa transparente porque aqui está muito quente. A gente fez várias outras coisas e comprou o ingresso da igreja e eu nem me toquei na minha roupa. Cheguei aqui e o rapaz todo sem graça: ‘é que sua roupa está um pouco transparente’. Meu Deus, fiquei com vergonha”, assumiu a cantora, que classificou o episódio como um ‘perrengue de turista‘.

Juliette então contou que resolveu a situação comprando uma blusa para seu companheiro de viagem e pegando a dele emprestada, para cobrir um pouco seu look.

O look escolhido por Juliette para curtir o dia em Barcelona é da grife Cosmo e pode ser comprado no site oficial da marca por R$ 258. A peça, feita em tule com elastano, não tem forro, tem costuras contrastantes e comprimento ‘bem curtinho’, como indica a grife. Juliette completou o look com uma bolsa da marca Colcci, óculos escuros e tênis sneaker branco, garantindo o conforto necessário para os passeios.

Juliette revela xenofobia vivida em trabalho

Recentemente Juliette Freire contou que ficou eufórica ao ser convidada para dublar uma personagem de desenho animado para o cinema. “Eu fiquei muito feliz, muito emocionada, porque eu pensei ‘caramba, um filme de projeção internacional com sotaque’, uma criança vai escutar um sotaque nordestino e eu vou ficar muito feliz se eu puder contribuir com isso. Como vai ser bonito passar um filme e a criança identificar que o personagem fala igual”, afirmou.

A artista revelou, no entanto, que sua alegria foi por água abaixo quando, antes de iniciar a dublagem, recebeu um pedido polêmico. “A primeira coisa que uma pessoa [da equipe] falou foi: ‘só queria te pedir uma coisa, tem como neutralizar um pouquinho o teu sotaque?’. Na hora, eu gelei”, lamentou.

E revelou como se saiu da situação: “Eu já tô calejada. Eu respondi assim: ‘não tem como eu neutralizar porque não existe sotaque neutro’. Não há um padrão. Eu não sou uma atriz, eu sou uma pessoa e não preciso mudar quem eu sou. Eu tô na mídia pelo que eu sou e não por um papel que eu faço”.

Depois de tornar o episódio público, Juliette foi duramente criticada por Antonia Fontenelle, que disparou: “Te manca, vai estudar e para de ficar acusando as pessoas de xenofobia. Existe uma coisa chamada perfil de personagem, que é importante que você entenda. O sotaque era nordestino? Não, não era. Se fosse, não teriam pedido para você neutralizar”.

Fonte: Purepeople

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS