17 agosto 2022 10:15
17 agosto 2022 10:15

Caixa vai contratar 500 empregados para melhorar imagem após assédio

Medida faz parte do pacote de mudanças da nova presidente do banco para mudar imagem da Caixa e aliviar pressão sobre funcionários

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

A Caixa Econômica Federal deve anunciar nesta terça-feira (26) a contratação de 500 funcionários por meio de transferência ou promoção de cargo. A medida visa reduzir o clima ruim criado nas dependências do banco após acusações de assédio envolvendo o ex-presidente do banco Pedro Guimarães.

O programa #TemCaixapraMais deve entrar em vigor nos próximos dias e visa ainda facilitar a transferência de funcionários. A campanha também vai oferecer cursos de graduação, pós-graduação e idiomas aos funcionários.

As contratações serão dividas em duas modalidades. Funcionários que queiram se transferir de uma cidade para outra e tiver o aval de outro empregado poderá fazer a troca. Já aqueles que querem outra função, fará parte da lista de espera entre as prioridades.

Os cargos vagos serão destinados para aprovados em concurso público do banco.

A Caixa ainda promete melhorar o currículo dos empregados e oferecer cursos em diversos níveis. Serão 300 vagas para cursos de graduação, com 70% de desconto para parcelas até R$ 500. As condições para pós-graduação são as mesmas, mas serão oferecidas 500 vagas, com pagamento em até 24 vezes.

Já cursos de idiomas deverá ser destaque no programa. A Caixa liberou 800 vagas, com auxílio de R$ 200 em até 24 meses.

Fonte: IG

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS