1 julho 2022 12:26
1 julho 2022 12:26

Uber cobra R$ 973 por viagem de 20 minutos entre bairros da mesma cidade

Trajeto de 20 minutos deu R$ 973 reais após desconto de 10%; Uber alegou que endereço de parada estaria errado.

Por Redação Ecos da notícia

- Publicidade -

Um passageiro foi cobrado em R$ 973,00 pelo aplicativo Uber, em uma viagem que, segundo ele, daria em torno de R$ 22,00. O DJ Adriano Gomes contou ao UOL que está entrando na Justiça pelo ocorrido. Já a Uber disse que o rapaz, acidentalmente, adicionou uma parada em outro estado, já no meio do trajeto. O trajeto feito foi da avenida Mandacaru, com parada no aeroclube e desembarque no Portal do Sol, no último sábado (11). Hoje, em simulação feita às 14h, o valor da viagem seria de R$ 22,00.

DJ alega que foi uma viagem de cerca de 20 minutos, com uma parada, que ele considera “curta”, principalmente em João Pessoa. “Não é comum pagar muito caro aqui”, falou. “No meu cartão, aparece lá o valor inicial de R$ 20,00”. Segundo Gomes, nem se ele tivesse percorrido toda a capital paraibana a fatura seria esse valor. “Eles continuam reforçando algo que não existe. Eu vi o valor antes de pedir e tava sendo na faixa dos R$ 22,00, então mesmo com a dinâmica de 2.2 que eles tão falando, não tem lógica nenhuma”. No chat da plataforma, eles responderam que isso se deve ao valor dinâmico de 2.2x, e que a cobrança estava correta. “Mesmo com a desculpa do valor dinâmico de 2.2x continua sem lógica.

Fiz o trajeto pelo aplicativo ontem e deu R$ 18. Chuto que, no máximo, seria R$ 60,00”, disse. “Nunca que daria R$ 973,00”. Para se ter uma noção, ao entrar no aplicativo é possível calcular que para ir da praia Barra de Gramame Norte ao bairro Bessa, que fica do outro lado da cidade, a viagem é de 40 minutos e com valor de R$ 64,91. Para ir de Ponta Negra, no Rio Grande do Norte, para a Barra de Gramame Norte, o máximo é de R$ 590,00, com a diferença que a viagem dura três horas e fica no estado vizinho.

Viagem para outro estado da modalidade mais cara do aplicativo não chegou a R$ 600, enquanto trajeto de uma ponta a outra deu pouco mais de R$ 60. Foto retirada da Internet.

Ele disse que, ao expor e acioná-los no Twitter, a mesma resposta sobre o valor dinâmico foi dada, o rapaz então fez um registro no Reclame Aqui, mas sem sucesso também. “Também botei no ReclameAqui e não recebi resposta de nada até agora, ou seja, o próximo passo vai ser entrar na Justiça por danos morais”, disse. “Tô tentando de forma amigável antes de entrar na Justiça, pois isso nunca passou pela minha cabeça”.

Resposta da Uber Por meio de nota, a plataforma disse que, após o usuário confirmar a viagem, ele solicitou uma alteração de trajeto para incluir uma nova parada localizada em outro município, a mais de 150 quilômetros de distância do endereço de origem, o que ocasionou a diferença de valor. Como a viagem não seguiu ao novo trajeto solicitado, um novo valor foi calculado e o excedente será ressarcido ao usuário — a empresa informou ao usuário que o pagamento seria feito num prazo de 60 dias.

Fonte/ Portal Uol

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.747 outros assinantes

ÚLTIMAS